sábado, 14 de janeiro de 2017

Pastor Valdemar Santos é preso sendo o principal suspeito da morte de sua esposa


O pastor Valdemar Santos, da Igreja Assembleia de Deus de Pinhalzinho, foi preso pela Polícia Civil na tarde de hoje (13). De acordo com o delegado Ricardo Guedes da Cunha, o pastor é o principal suspeito por ter planejado a morte de sua própria esposa, Luciane Santos, de 29 anos, encontrada morta no dia 31 de dezembro de 2016. Conforme a perícia do Instituto Médico Legal (IGP), Luciane foi morta com três golpes de arma branca na região do pescoço.
Em entrevista na tarde de hoje, o delegado disse que Valdemar “planejou tudo e tentou repassar uma outra versão”. As câmeras de segurança espalhadas pela cidade foram cruciais para chegar à prisão do pastor.
Um seguro de vida de aproximadamente R$ 300 mil, o qual o pastor era o beneficiado, e mais um valor aproximado de R$ 12 mil, teriam motivado o crime.
A prisão é temporária por 30 dias, porém, o delegado Ricardo diz “não tem dúvidas da autoria do crime”.
MEU COMENTÁRIO
Publiquei aqui no blog quando ocorreu o sequestro, oramos e pedimos oração pelos envolvidos e pela AD em Pinhalzinho.
Agora, o desenrolar dos fatos trazem decepção, revolta e lamento. Em todo caso, devemos continuar em oração, no sentido de que o caso se resolva o mais rápido possível trazendo luz completa aos fatos, bem como pela Igreja e cidade que, com certeza passa por muitas lutas e eescândalo.
Oremos! 

“Jesus não parecia Messias e nós não parecemos evangélicos”

Pastor da Crash Church acredita que é “parte do plano de Deus para superar barreiras”

A Crash Church, igreja que funciona dentro de uma garagem em São Paulo, tem como objetivo declarado alcançar os jovens que gostam de heavy metal. O louvor tocado nos cultos é no ritmo acelerado dos instrumento e os fiéis acompanham balançando a cabeça.
O templo, pintado de preto e decorado com tribais brancos mais parece um espaço para shows de rock pesado. O diferencial não está na forma, mas no conteúdo. As letras das músicas falam de Jesus Cristo e de salvação.
O pastor, conhecido como Batista, não usa terno e gravata. Prefere camiseta preta e calça jeans. Ele possui várias  tatuagens – todas com referências cristãs – e brincos nas orelhas. Sua  barba é uma trança acinzentada de uns quatro centímetros.
Vocalista da banda de death metal cristão Antidemon, ele decidiu fundar a igreja em 1998, por “necessidade divina”. “Isto faz parte de um plano de Deus para superar barreiras de formatos mais fechados e que deixavam de alcançar muitas vertentes da sociedade”, defende.
Atrás de um púlpito com ares medievais, o pastor Batista prega usando gírias e intercala as leituras bíblicas com menções a músicas de rock.
Falando à agência EFE, explica que está acostumado com o preconceito, incluindo as críticas que recebe de outros evangélicos. “As pessoas não esperam uma Igreja como nós. Não esperam que com esse estereótipo sejam pessoas de Deus. Jesus não parecia o Messias, assim como nós não parecemos evangélicos”, dispara.
Batista lembra que em várias partes do mundo existem movimentos similares. Segundo explica, “para levar Jesus de todas as maneiras, de uma maneira que se possa entender”. O religioso acredita que igrejas como a Crash Church contribuem para a conversão  especialmente dos mais jovens.
Fonte: Gospel Prime

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

AD Curitiba realizou 38º Congresso de Missões


Entre os dias 10 e 13 de novembro 2016, aconteceu o 38º Congresso de Missões em Curitiba, que tem como presidente o pastor Wagner Tadeu dos Santos Gaby. Com o tema "Qual é a tua ocupação?" (Jonas 1.08), sob a coordenação do pastor Sergio Sandoval e do evangelista Victor Mariano.
A abertura do evento contou com mais de  100 casais porta-bandeiras representando vários países e com várias participações musicais, Orquestra Filadélfia, Coral Adoração, Banda Sinfônica Louvores de Canaã e a cantora Elisa Custódio.
No dia 11 foi realizado um passeio à pontos turísticos da capital paranaense, com os missionários. Já no dia 12, pela manhã, foi organizado um bazar gratuito de roupas para os missionários e suas famílias, em seguida foi oferecido um café de confraternização, onde foi entregue inúmeros kits contendo, bíblias, camisas, gravatas, vestidos, bolsas, panetone e brinquedos para as crianças.
No dia 13, aconteceu a tradicional manhã missionária e à noite o culto de encerramento com a participação de mais de 50 crianças vestidas a rigor, representando alguns países.
Os convidados para ministrar no evento foram os pastores Anísio do Nascimento (RJ), que ocupa o cargo de Secretário Nacional da SENAMI (Secretário Nacional de Missões) e o pastor Erivaldo de Jesus (SP). De uma forma singular, levaram os presentes a uma reflexão sobre a verdadeira forma de fazer missões, ocupando-se com excelência para ganhar vidas preciosas para o Reino dos céus.
Também no mês de novembro, mais precisamente no dia 18, o evento na chácara Betânia, denominado Costela Missionária. A confraternização reuniu mais de 1500 pessoas entre pastores, dirigentes de congregações, agentes missionários e a membresia em geral.
O evento foi todo ornamentado para que o foco em missões não fosse perdido.
"Acreditamos que nos três eventos os objetivos foram alcançados. Nossa gratidão a equipe SEMADC, a todos os colaboradores, contribuintes e aos nossos intercessores, fica aqui a nossa palavra de gratidão, acreditando que o pai celestial vós recompensará. Porque dele, por ele são todas as coisas", disse o pastor Sergio Sandoval Superintendente de Missões.
Fonte: CPAD News

Era igreja, virou “museu do ateísmo” e agora voltará a ser igreja


A catedral de São Isaque, na cidade de São Petesburgo, foi transformada em um “museu do ateísmo” durante o período soviético. Construída entre 1818 e 1858, o local abriga até 14 mil pessoas e foi um dos principais templos da Igreja Ortodoxa na Rússia.

Em 1924, o regime comunista mudou o nome de São Petesburgo, segunda maior cidade da Rússia, para Leningrado, numa homenagem a Lênin, líder da revolução. Poucos anos depois, todas as igrejas da cidade foram fechadas e a catedral passou a ser um museu que glorificava a “vitória” do ateísmo sobre a religiosidade.

Com o fim do comunismo no país, durante a década de 1990, o local foi transformado em museu, já que possuía um grande acervo, reunindo esculturas, ícones, afrescos e mosaicos.

Eventualmente o local é usado para apresentações musicais, já que possui boa acústica. Patrimônio Mundial da Unesco, o prédio é um dos cartões-postais da cidade. Foi visitada por cerca de 3,5 milhões de turistas no ano passado.

O governo decidiu no final de 2016 pelo retorno das atividades da Catedral de São Isaque. O prédio voltará a ser uma igreja ortodoxa, com missas realizadas regularmente a partir deste ano. A Igreja Ortodoxa Russa, que tem forte ligação com o governo do presidente Vladimir Putin, já havia pedido de volta o edifício em outras ocasiões, mas a ideia foi rejeitada pelas autoridades.

No entanto, a decisão anunciada nessa terça-feira (10) também incluiu o anúncio de que ela passará por uma restauração. O governo russo afirmou ainda que pretende restaurar e devolver todas as igrejas e mosteiros que foram expropriados durante o regime comunista, que impunha o ateísmo.

O outro Museu do Ateísmo da cidade, a antiga Catedral de Nossa Senhora de Kazan, voltou a ser um local de culto religioso em 2000.

O Patriarca Kirill, maior líder dos ortodoxos e amigo do presidente, afirmou que desde que Putin assumiu o poder, cerca de 5.000 igrejas foram construídas ou devolvidas pelo Estado, 122 mosteiros foram fundados e mais de 10.000 padres, formados.

Comunistas protestam

Insatisfeito com o anúncio, o partido Comunistas da Rússia anunciou que fará protestos em São Petersburgo e do lado de fora do Ministério da Cultura, em Moscou.

“Respeitamos os sentimentos dos fiéis, mas não podemos concordar com a perigosa tendência de entregar à igreja um número cada vez maior de monumentos de arquitetura, museus e propriedades”, reclamou o presidente do partido, Maksim Suraikin.

Com informações de Christian Today
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...