segunda-feira, 25 de maio de 2015

Conselho Federal de Psicologia decide pela não cassação de Marisa Lobo


O Conselho Federal de Psicologia (CFP) decidiu na última sexta-feira (22) pela não cassação do registro profissional da psicóloga cristã Marisa Lobo, julgando o recurso movido por ela contra a decisão do Conselho Regional de Psicologia do Paraná (CRP-PR) que cassou seu registro no ano passado.

Marisa Lobo foi representada pela advogada Damares Alves que também é psicóloga e cristã. Após ler o relatório diante do CFP, a jurista tratou de se apresentar como cristã e mostrar que as acusações contra sua cliente se tipificam como perseguição religiosa.

A profissional foi acusada por promover a “cura gay” e o CPR-PR chegou a determinar que ela retirasse de seu site pessoal e de suas redes sociais todas as mensagens religiosas que ela havia postado.

Foram 17 acusações contra Marisa Lobo, mas nenhum dos acusadores compareceu ao julgamento. “Eu sou psicóloga e cristã! Eu não nego a minha fé! Também quero afirmar que nunca ‘curei gay’, nunca tratei a homossexualidade como ‘doença’ ou com qualquer outro tipo de preconceito”, disse ela diante do Conselho Federal de Psicologia.

Marisa Lobo também tratou de reafirmar que existem ex-gays, ao contrário do que muitos afirmam. “Também afirmo que ex-homossexuais existem. Isto não é objeto de ocupação minha. Eu, apenas, como psicóloga especializada em Direitos Humanos dou o direito ao sujeito, dele existir da maneira que ele próprio desejar”.

Fonte: CPADNews

Pr. Marco Feliciano pede que Lula deixe os evangélicos em paz


O pastor Marco Feliciano fez um pronunciamento criticando a fala do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que debochou dos líderes evangélicos durante uma reunião com sindicalistas, orientando os partidários petistas a colocar a culpar o diabo pela crise no país.
Durante a palestra em um hotel no centro de São Paulo, ele ironizou em tom de deboche os pastores evangélicos por culparem o diabo quando algo está errado.
Para Lula nas ocasiões em que não é possível atender às reivindicações é preciso culpar o diabo, pois essa estratégia, segundo o ex-presidente, funciona bem com os pastores que depois pedem dinheiro para salvar os fiéis, mas para Feliciano o comportamento não é digno da posição que Lula ocupou.
Feliciano ironizou a piada sarcástica do ex-presidente, orientando o integrante do Porta dos Fundos, Fábio Porchat, a se cuidar pois poderá ter mais um concorrente. O canal Porta dos Fundos promove intolerância religiosa com piadas contra cristãos.
Lula pretende disputar a presidência do Brasil em 2018 e tem sido questionado sobre a impopularidade do governo petista. A ironia de Lula se dá justamente em um momento em que líderes evangélicos conquistam espaço na Câmara dos Deputados.
Fonte: Gospel Prime

Levy Fidelix se livra de processo criminal por ofensa a gays

Levy Fidelix

O juiz eleitoral Roger Benites Pellicani, da 258ª Zona Eleitoral de São Paulo, homologou no dia 12 de maio o arquivamento de diversas representações que buscavam penalizar o político Levy Fidelix, presidente do PRTB, por crime de injúria contra a comunidade LGBT.

No dia 28 de setembro de 2014, em debate entre os candidatos a presidente da República realizado pela TV Record, Fidelix teve de responder a uma pergunta da então candidata Luciana Genro (PSOL) sobre o reconhecimento do casal homossexual como família.

No debate, Fidelix disse: "Aparelho excretor não reproduz. É feio dizer isso. Mas não podemos jamais, gente, eu que sou um pai de família, um avô, deixar que tenhamos esses que aí estão, achacando a gente no dia a dia, querendo escorar essa minoria à maioria do povo brasileiro".

O juiz acatou o posicionamento do Ministério Público de São Paulo que não enxergou crime na fala do político. Na peça, o promotor Silvio Antonio Marques diz que "embora os representantes tenham considerado que a conduta descrita nas representações ultrapassou os limites da liberdade de expressão, o fato tratado nestes autos é criminalmente atípico".

"No Brasil, por inércia do legislador federal, o Código Penal e o Código Eleitoral não tratam de crimes contra as minorias ou contra coletividades determinadas", afirmou o promotor.

Como Levy Fidelix não falou sobre um casal ou sobre um gay específico ele também não pode ser enquadrado no crime de injúria, que é considerado um crime contra a pessoa "e não a uma coletividade de pessoas".

No início do ano, um projeto que criminalizaria a homofobia e que já havia sido aprovado na Câmara dos Deputados em 2006 foi arquivado no Senado.

Há dois meses, o político foi condenado por danos morais a pagar um milhão de reais a movimentos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros (LGBT) por suas declarações no debate presidencial.

Fonte: VEJA

As Limitações dos Discípulos LB Adultos EBD/CPAD - Em vídeo - Lição 9 - 2º Trimestre de 2015




Pré Aula - As Limitações dos Discípulos - Lições Bíblicas Adultos - Lição 9 - 2º Trimestre de 2015: Jesus o Homem Perfeito — Valores divinos para uma sociedade em constante mudança, preparação para os Professores da EBD durante a semana anterior a aula.

Professor: Pb. Rodrigo Gomes - AD Lajes - SC


Para uma boa audição
Desligue o som do Stúdio Rhema no
canto superior esquerdo do blog.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...