terça-feira, 2 de novembro de 2010

Pastor cristão Youcef Nadarkhani recebe pena de morte no Irã




[[PEÇO DIVULGAR ESTE ASSUNTO]]
PASTOR YOUCEF NADARKHANI É SENTENCIADO A MORTE NO IRÃ


Por reclamar do monopólio mulçumano no ensino religioso da escola dos filhos.

International Christian Concern


Tradução: João Cruzué

Comissão Americana para a Liberdade Internacional Religiosa - USCIRF expressou preocupação pelo caso de um pastor cristão que está preso a mais de um ano e recentemente foi ameaçado de execução por "apostasia". A comissão exortou a Administração do governo Obama para pressionar pela sua libertação incondicional.

Este caso é mais uma evidência de que não há transparência ou justiça no chamado sistema "legal" iraniano para as minorias religiosas, disse o Sr. Leonard Leo, diretor da Comissão. A administração Obama deve continuar falando alto, no mesmo tom da Secretária de Estado Hillary Clinton falou em agosto para as minorias iranianas. A pressão internacional causa impacto no Irã, e o regime tem mostrado leniência em alguns casos em que há escrutínio internacional.

Youcef Nadarkhani, um pastor do Norte do Irã, foi preso [prisão de Lakan] em outubro de 2009 depois que ele questionou o monopólio muçulmano no ensino religioso que seus filhos estavam recebendo na escola, argumentando que a Constituição do Irã permite criar os filhos na fé de seus pais. O Pastor Nadarkhani, e mais tarde sua esposa, Fatemeh Passandideh, foram acusados de apostasia. Enquanto sua esposa foi solta no começo deste mês, depois de quatro meses de prisão, de acordo com fontes iranianas o Pastor Nadarkhani foi acusado, declaradamente julgado, e informado verbalmente que ele vai receber pena de morte, embora nenhum nenhum veredito formal tenha sido emitido.

Durante o anos passado, os registros da combalida liberdade religiosa do governo iraniano deterioraram, especialmente quanto às religiões: baha'is, cristã e muçulmanos Sufis. Agressões físicas, aborrecimentos, detenções, prisões, intensificação de aprisionamento. Mesmo as minorias religiosas não-muçulmanas reconhecidas, como Judeus, arminianos e Cristãos Assírios e Zoroastrismo, protegidos sob a constituição iraniana têm enfrentado crescente discriminação e repressão. Desde a disputa eleitoral de junho de 2009, o governo iraniano tem intensificado sua campanha contra as minorias religiosas não muçulmanas.

Este modelo de prender e prejudicar as minorias religiosas, combin ado com a retórica inflamadado presidente Ahmadinejad e outros líderes não tinha sido vistas desde os primeiros anos da revolução iraniana. Disse o diretor da USCIRF, Sr. Leonard Leo.

--O fator tempo é essencial neste caso. A vida deste Pastor está por um fio. Nós comclamamos nosso governo e a comunidade internacional para pressionar e cobrar a libertação e assegure que não vai tomar ações extremas neste caso nem em outros semelhantes a este.

Fonte: Persecution.org



Comentário: A pedido irmão Felipe Ribas, pesquisei este assunto direto na fonte; estou repercutindo no blog olhar cristão. O nome deste pastor precisa ser espalhado para tudo enquanto é espaço vitual. Quanto mais conhecido ele for na comunidade internacional, maiores as chances dele não ser executado no Irã. Esta tradução está disponível para todos os que quiserem colaborar nesta causa.' (João Cruzué). Quem sabe o presidente Lula possa apresentar esta causa ao seu "colega" do Irã?

Postei aqui no Point Rhema, por solicitação e indicação, via e-mail,  do irmão Felipe Ribas. Oremos e façamos a nossa parte.
Pr. Carlos Roberto

7 comentários:

Silvio Araujo disse...

Prezado Pr Carlos, muito bom o seu intento.
Também postamos acerca do irmão Youcef, repercutindo outras fontes.

http://vedeoscampos.blogspot.com/2010/10/ira-pastor-acusado-de-apostasia-e.html

Orar e agir!

disse...

Quem sabe o presidente Lula possa apresentar esta causa ao seu "colega" do Irã?

Pois é quem sabe? até foi lá fazer média com o homem.

Isso é lamentável, vamos orar para que Deus venha agir em favor deste pastor!

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro Sílvio Araújo,

A Paz do Senhor!

Grato pela honrosa visita.
É exatamente isso que devemos fazer, orar e agir no que estiver ao nosso alcance.

Já visitei o seu blog e estou seguindo.

Um grande abraço!
Pr. Carlos Roberto

Pr. Carlos Roberto disse...

É verdade Rô,

Mas como é muito difícil que o nosso presidente venha intervir nessa causa, vamos por aqui orando e utilizando a blogosfera.
Deus tudo pode1

Um grande abraço!

Pr. Carlos Roberto

Ricardo Mamedes disse...

Caro Pastor Carlos Roberto,

O que está escrito se cumpre: cristãos seriam perseguidos por propagar o nome do Salvador. No entanto, é triste que isso aconteça em pleno séc XXI, quando o mundo se auto-proclama civilizado.

Pior é termos de suportar uma diplomacia que nos representa, como a do PT, a aplaudir regimes autoritários como do Irã, Líbia, Cuba, Venezuela, etc, etc.

Abraços!

Ricardo.

Uilson Camilo disse...

Pr. Carlos,
Paz do Senhor!!

Também postaremos em nosso Blog e estaremos orando juntos por esta causa.
Cremos no Deus do impossível.

Abraços...

Uilson Camilo

Daladier Lima disse...

Lula? Aqui o senhor quer demais! Lula não põe a mão no fogo por ninguém.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...