sexta-feira, 28 de setembro de 2012

CPAD na Expocristã - 25 a 30 de setembro/ 2012


Por Eduardo Araújo


A Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD) marcará presença mais uma vez na Expocristã, considerada um dos maiores eventos internacionais de produtos e serviços cristãos. Com vistas a atender à demanda dos segmentos da família evangélica, a editora pentecostal traz para esta 11ª edição da Expo novos títulos, além de CDs, DVDs e Bíblias a preços módicos, garantindo a sua posição como a editora do povo evangélico.


Além de terem acesso aos produtos, no estande da CPAD, os clientes são brindados com promoções e uma tarde de autógrafos com cantores da CPAD Music: de quinta-feira até sábado, acontece a tarde de autógrafos com os cantores Leandro Vinicius (CD “Santo”) e Levita Flávio (CD “Ele Não Abriu Mão”).


No dia 27, durante o Jantar CPAD na Expo, ocorre o lançamento da biografia do pastor José Wellington Bezerra da Costa, presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), de autoria do pastor Isael de Araujo, com a presença de livreiros convidados de todo o Brasil. Alguns lançamentos da editora para Expocristã deste ano são “Hoje Nós somos Ricos”, de Tim Sanders; “Os 5 níveis da Liderança”, de John Maxwell; “O Despertar de Lázaro”, de Joanna Weaver; “Porque Esperar pelo Amor Verdadeiro”, de Josh McDowell; “12 Princípios para Fortalecer sua Caminhada com Cristo”, de Patrick Morley; “5 Conversas que você precisa ter com sua filha”, de Vicki Courtney; “5 Conversas que você precisa ter com seu filho”, de Vicki Courtney; e “A Doutrina do Pecado”, de Severino Pedro da Silva; além da “Bíblia Prática da Oração” (CPAD), da “Bíblia Pentecostal para Meninos/Meninas” e do “Léxico Grego”, de Edward Robinson.


E é justamente este último livro um dos grandes lançamentos da CPAD para este final de ano. Para se estudar uma língua de maneira crítica e filológica deve-se seguir a trajetória de uma palavra até sua origem, observando as várias formas e sentidos que ela adquiriu nas diferentes épocas e dialetos da língua. 


O Novo Testamento, por exemplo, foi escrito por hebreus, almejando expressar, em língua grega, pensamentos, concepções e sentimentos hebraicos.

Este é o objetivo deste verdadeiro clássico: revelar não apenas o significado literal das palavras gregas do Novo Testamento, mas o significado dado a elas pelas mentes judaicas que a escreveram.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...