quarta-feira, 3 de abril de 2013

CGADB - Eleições 2013 -Brasília - Mais uma renúncia de candidatura protocolada hoje



Faltando apenas 06(seis) dias para o início da 41a. AGO - Assembleia Geral Ordinária da CGADB - Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil, foi protocolada mais uma renúncia de candidatura.

Desta vez, retirou sua candidatura ao cargo de 3o. Vice Presidente, o Pastor LEONARDO SEVERO DA LUZ NETO, que concorria ao cargo pela Região Norte.

Considerando que o nome do candidato figura na cédula de votação, o Presidente da Comissão Eleitoral, Pr. Antônio Carlos Lorenzetti de avisou que todos os votos para o ex-candidato serão nulos de pleno direito.

Ficam agora, em definitivo, como candidatos ao cargo de 3º vice-presidente da Mesa Diretora da CGADB, três ministros, sendo eles os pastores: Gilberto Marques de Souza, presidente da Convenção das AD's no Estado do Pará (COMIEADEPA) e Jônatas Câmara, presidente da Convenção das ADs no Amazonas (CEADAM).

A renúncia de hoje, ratifica o acentuado grau de polarização nas candidaturas que acompanham as duas principais chapas, com raras excessões.

2 comentários:

Daladier Lima disse...

Prezado Pr. Carlos,

Complementaria seu último parágrafo da seguinte maneira(obviamente os leitores saberão diferenciar as que são suas palavras):

A renúncia de hoje, ratifica o acentuado grau de polarização nas candidaturas que acompanham as duas principais chapas, com raras excessões. Este comportamento denuncia uma falha estrutural de nossa amada denominação gestada nos primórdios da mesma, aonde projetos personalistas se sobrepõem aos interesses comuns da membresia. Somos muito maiores que qualquer candidatura e temos quadros qualificados para enriquecer as opções, mas, infelizmente, a candidatura é um jogo bruto e caro.

Que Deus tenha misericórdia de nós!

Abração!

Daladier Lima

Mark Lemos disse...

Prezado Pr. Carlos, Paz!

Creio que tanto a renuncia do Pr. Leonardo como a do Pr. William demontram nao somente polarizacao que vem acontecendo desde que alguem ousou questionar a forma como a CGADB estava sendo conduzida, mas tambem pelo fato que exergavam que essa eleicao tinha serios problemas.

A meu ver o processo eleitoral dessa proxima AGO, esta totalmente contaminado. Digo isso pelo seguinte:

1-Por ser conduzido por um orgao da propria CGADB (comissao eleitoral) que foi alimentado por dados fornecidos pela secretaria e tesouraria da CGADB que eh presideda pelo candidato Jose Wellington. Ao invez de contratar uma empresa de auditoria externa para conduzir o processo monitorada pela comissao eleitoral ou fiscais de ambos candidatos.

2-Pela complacencia do presidente da comissao eleitoral em permitir que um processo contaminado continuasse. Principalmente depois que Jose Wellington decidiu nao atender a decisao judicial de mostrar com transparencia os dados de conciliacao bancaria e inscricoes. Jose Wellington prefere pagar a multa de R$50.000,00 por dia que vem do pastores da CGADB do que ser transparente.

Pergunto nobre amigo e renomado Pr. Carlos Roberto:

A-O que Jose Wellington esta querendo esconder?

B-Esse eh o procedimento correto de uma pessoa que se chama pastor? Nao atender uma ordem judicial? Nao divulgar informacoes que eliminariam as nuvens negras das duvidas e desconfiancas?

C-Onde fica a coerencia de pastores como Sebastiao Rodrigues de Souza que prega contra o USO da televisao, e outros que dizem nao ter abandonado os ensinamentos de Daniel Berg e Gunnar Vingren, mas nao dizem nada a respeito dessas lambancas e procedimentos que nao refletem a verdadeira posicao de um pastor?

D-A CGADB esta sendo dirigida por Jose Wellington ou pelo Dr. Abiezer Apolinario?

Tenho muitas outras perguntas mas nao quero transformar esse comentario em postagem.

Abracos!


Mark Lemos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...