terça-feira, 31 de dezembro de 2013

PESADO FOSTE NA BALANÇA



PESADO FOSTE NA BALANÇA E FOSTE ACHADO EM FALTA 

 
Márcio era um crente comum. Não abandonava a fé, mas não era um primor na consagração. Frequentava a igreja, mas não era assíduo e nem comprometido com os trabalhos.
 
Certa noite Márcio estava na cama e teve uma visão súbita. Viu escrito na parede com dedos gigantes a seguinte frase:

PESADO FOSTE NA BALANÇA E FOSTE ACHADO EM FALTA.
 
Ele sentou-se na cama, esfregou as mãos nos olhos e voltou a olhar na parede: lá estavam, grafadas, em português bem claro, as ditas palavras. Ele estava arrepiado, assustado, quase desesperado. Era domingo e estava amanhecendo.
 
Decidiu buscar ajuda na igreja. Banhou-se, trocou-se, fotografou a parede com a frase e saiu em seu carro rumo à igreja onde era membro.
 
Ao chegar lá deparou-se com portas fechadas.
 
- Como? A igreja fechada no domingo? Não é possível!
 
Ligou para o pastor, que lhe disse:

"Irmão, avisamos no boletim da semana passada: 15 dias de férias. Volte no final do mês, certo?"
 
Márcio não acreditava! Como podia a igreja estar de férias?
 
Lembrou-se da igreja do seu tio, ficava próxima. Rumou para lá. Talvez pudessem lhe explicar o que significava PESADO FOSTE NA BALANÇA E FOSTE ACHADO EM FALTA.
 
Estacionou e entrou. Só a secretária e a faxineira.
 
- Onde estão todos?
 
- Em casa - respondeu a secretária. - Só temos cultos à noite, irmão. Podemos ajudar?
 
Márcio estava indignado! Não era possivel isso. Saiu rapidamente e rumou para a Primeira Igreja, essa bem grande e boa, certamente teria gente e pastor disponíveis.
 
Ao chegar no endereço viu uma faixa grande:
"ESTAMOS EM RETIRO - VOLTAREMOS NA PRÓXIMA SEMANA!"
 
Márcio agora estava desesperado. Decidiu ligar para pastores conhecidos. Tinha 4.
 
- Márcio, não posso atendê-lo, estou estudando para um concurso público.
 
- Márcio, estou de férias com a família, deixe a dúvida por escrito no SMS e depois lhe explicarei.
 
- Márcio, mande pintar a parede de novo e esqueça isso!
 
- Márcio, não sei do que se trata!
 
Raiva e desespero, temperados por uma indignação profunda.

PESADO FOSTE NA BALANÇA E FOSTE ACHADO EM FALTA.
 
- Senhor, por amor do Teu nome, me diga o que é isso! Eu não sei do que se trata! E não tenho a quem recorrer! Tuas igrejas estão fechadas, teus pastores estão ocupados, ninguém para me ensinar ou compartilhar!
 
Nisto ele ouviu bem alto um galo cantando. "CÓ-CÓ-RI-CÓ". Ele ouvia cada vez mais alto. O som ficava muito alto, até que.... ACORDOU! Seu celular com som de galo despertara-o.
 
Tudo não passou de um sonho! Ou melhor, de um pesadelo! Olhou no relógio: oito e meia. Olhou para a parede: nenhum sinal da frase. Correu para a chave bíblica e procurou nas Escrituras se havia algo parecido. Encontrou a frase no livro do profeta Daniel:
 
tequel: Pesado foste na balança, e foste achado em falta. (Dn 5:27)
 
Logo compreendeu o que significava. Ele era a pessoa achada em falta! Todas as desculpas que as igrejas e os pastores lhe deram no sonho foram as que ele utilizou ao longo do ano, justificando suas constantes ausências e sua falta de envolvimento nos trabalhos!
 
- Irmãos, estou de férias, volto daqui a quinze dias!
 
- Só posso ir aos cultos da noite, trabalho muito e não tenho tempo para dois compromissos dominicais na igreja.
 
- Vou sair com a família, estou em retiro com amigos!
 
- Não poderei ir aos cultos porque estou estudando para prestar concurso público.
 
- Preciso dar atenção aos meus filhos e família, não posso envolver-me nos compromissos de Escola Bíblica Dominical, coral ou uniões de treinamento.
 
- Não entendo do assunto que está sendo estudado e não tenho vontade de entender. Portanto, não contem comigo!
 
Márcio orou, arrependido. Confessou a sua falta. Pediu perdão. Tomou um banho e tirou o carro da garagem, dirigindo-se à igreja.,
 
Naquela manhã a Escola Bíblica Dominical tinha um novo aluno: Márcio. Ele compreendia agora a importância do compromisso com Deus e com a sua igreja.
 
 E você? Cuidado com a frase:

PESADO FOSTE NA BALANÇA E FOSTE ACHADO EM FALTA...
 
Pr. Wagner Antonio de Araújo
Igreja Batista Boas Novas do Rodoanel em Carapicuíba, São Paulo, Brasil

4 comentários:

T.Mendes disse...

"Márcio foi a escola dominical e recebeu do porteiro da igreja o aviso que não haveria escola pois tratava-se de mais uma santa ceia marcada justamente na programação da escola bíblica dominical.
Márcio foi no outro domingo à escola bíblica e foi avisado por uma irmã que passava próximo de que era festa na sede. Surpreso perguntou se haveria reposição na semana e também se surpreendeu ao ver que a igreja não era comum a reposição de aulas na semana.
Márcio contabilizou três meses e três domingos sem EBD durante o ano de 2013.
Márcio entristeceu quando em um culto à noite de louvor o principal Presbítero da igreja local insistia que os membros adquirissem logo a revista da escola dominical, vendo tamanha insistência enxergou incoerência também quando ouviu a moralista frase: 'crente não aprende sem escola bíblica. é o culto mais importante!'
Márcio espantou-se ao ver (AGORA EM JANEIRO DE 2014) que o preço com desconto da revista de ebd EM UMA IMPORTANTE LOJA DA MESMA EDITORA era de R$6,16 a de aluno e R$ 9,18 a do professor e verificou que as mesmas eram revendidas à respectivamente, R$ 10,00 R$ 12,00 dentro da igreja e detalhe, pelo próprio superintendente da escola.
Márcio se perguntou?
Será que é uma oferta forçada a diferença?
Será que não há planejamento prévio de aquisição para evitar cobrar mais do que o valor original a fim de cobrir os que não adquirem e a igreja ficar com "prejuízo"? bom tempos no exército em que havia o chamado arranchamento (lista de controle) para não haver desperdício de alimentos...
Será que a igreja quer lucro? se for para alguma finalidade, ainda que coerente, porque não avisam ou perguntam? multipliquemos revista dos filhos da esposa, puxa, quantos % representa para quem ganha um salário?
Márcio olha para o mural da igreja e se assusta de novo! é, o cartaz diz: escola bíblica de férias, não percam...
Márcio finalmente tem aula em ebd. Ops! tocaram um sino 10h20.Lembrou-se que às 09h iniciou três orações e três hinos da harpa! é o término da escola. pouco tempo né. mas sabe, Márcio lembrou da ordem e decência e lembrou-se também que o culto de louvor à noite não tem hora para acabar afinal o Espírito está usando alguém.
Márcio quer mudar de igreja, procurar uma que leva a sério uma EBD mas é perigoso ser tachado de rebelde...

Pr.Daniel S Acioli disse...

Meu Nobre Pastor Carlos Roberto!

Confesso que tenho estdado preocupado com a atitudes nãos só de Pastorese Obreiros em geral, como a Igreja em si!

O Artigo em epígrafe reflete a realidade não só do "Marcio" e sim de uma grande multidão de "crentes" que devido á prosperidade e poder aquisitivo estào desviando o foco e as prioridades não é mais o servir ao Senhor! - Mas é a diversão que interessa e muitos não estão apercebidos que em breve havemos de estar diante do Criador e não será apenas um sonho ou pesadelo! Será real! E aí? As balanças do Senhor são Justas!

Deus nos abençoe!

Pr. Daniel S Acioli

ESTUDOS EBD-Valdir Carvalho disse...

AONDE TEMOS ERRADO COMO IGREJA QUE DESEJA MAS NÃO EXERCITA O QUE DESEJA? Ou seja, a pregação não está condizendo com sua prática. Senão vejamos:
a) A parte litúrgica da igreja, tem dado ênfase para a pregação da Palavra de Deus?
b) Quantos hinos da harpa se tem cantado?
c) Quantos hinos avulso se tem dado oportunidade de cantar?
d) Para quantos amigos do LÍDER se ter dado oportunidade de usar do púlpito para fazer ou trazer um bajulamento à alguém da igreja?
e) Fora a isto, tem ainda dpto.de crianças, adolescentes, jovens e do círculo de oração, afinal ainda tem o hino da oferta. Quer dizer: SOBROU POUCO TEMPO PARA O POVO ADQUIRIR FÉ. (afinal a Palavra diz que ela vem do ouvir da pregação da Palavra de Deus)
f) Mas e daí, quantos pessoas mal preparadas para viver sua religiosidade?
g) Sem fé é impossível agradar a Deus.
h) Como ouviram se não há quem tenha tempo de pregar?
i) Então o povo vai vivendo sem ouvir, sem adquirir, sem agradar a Deus e vivendo religiosamente dentro das Igrejas.
l) O que deve fazer a Igreja ou o seu dirigente?
m) Evidente que é por em prática o que se procura pregar para que os outros vivam.
n) Daí meu querido irmão, com certeza o povo não teria a sensação de ter deixado pra trás aquilo que compete aprender.
o) Os que se esforçam, muitas vezes o fazem por gostarem. Desejosos quem sabe, em se aprofundarem no conhecimento da Bíblia.
p) Os que não gostam de virem à Escola Dominical, esperam em sua religiosidade e na forma de verem Igreja, que pelo menos nos cultos dominicais, venham aprender um pouco mais da prática religiosa e da fé CRISTÃ.
r) Infelizmente a igreja tem perdido o seu primeiro amor.
s) Quando a igreja se verem carentes de mudarem suas formas litúrgicas, perceberão que por muito tempo esteve centrada no culto À homens e em seus discursos falazes.
t) Quantos cultos que frequentamos com aparência de PIEDADE, mas que no fundo nada acrescentam e os louvores não batem com as ministrações?
u) Isso demonstra e comprova que tudo menos, se tem procurado deixar de ouvir o que Deus deseja que sua Igreja exercite e viva, por não ter escutado o seu querer e não o querer dos homens que a dirigem.
v) Se lê aleatoriamente uma palavra sem que Ela testifique com os cânticos, com a Palavra principal e com a pregação da noite. Pelo ou menos algum desses valores tem que serem percebidos. Testificação do querer de Deus.
x) A vida da comunidade está centrada no amor ao próximo, ou a si mesmo?
z) O dia de ceia ainda é em MEMÓRIA do Cabeça da Igreja? Ou é para que o pastor veja que ainda sou membro daquela igreja?

Se for assim, então nossa vida espiritual tem sido DENTRO DE INIQUIDADES, e quem tem ensinado o povo a ser assim, são aqueles que dormem em suas posições eclesiásticas.
Uma lástima!

ESTUDOS EBD-Valdir Carvalho disse...

AONDE TEMOS ERRADO COMO IGREJA QUE DESEJA MAS NÃO EXERCITA O QUE DESEJA? Ou seja, a pregação não está condizendo com sua prática. Senão vejamos:
a) A parte litúrgica da igreja, tem dado ênfase para a pregação da Palavra de Deus?
b) Quantos hinos da harpa se tem cantado?
c) Quantos hinos avulso se tem dado oportunidade de cantar?
d) Para quantos amigos do LÍDER se ter dado oportunidade de usar do púlpito para fazer ou trazer um bajulamento à alguém da igreja?
e) Fora a isto, tem ainda dpto.de crianças, adolescentes, jovens e do círculo de oração, afinal ainda tem o hino da oferta. Quer dizer: SOBROU POUCO TEMPO PARA O POVO ADQUIRIR FÉ. (afinal a Palavra diz que ela vem do ouvir da pregação da Palavra de Deus)
f) Mas e daí, quantos pessoas mal preparadas para viver sua religiosidade?
g) Sem fé é impossível agradar a Deus.
h) Como ouviram se não há quem tenha tempo de pregar?
i) Então o povo vai vivendo sem ouvir, sem adquirir, sem agradar a Deus e vivendo religiosamente dentro das Igrejas.
l) O que deve fazer a Igreja ou o seu dirigente?
m) Evidente que é por em prática o que se procura pregar para que os outros vivam.
n) Daí meu querido irmão, com certeza o povo não teria a sensação de ter deixado pra trás aquilo que compete aprender.
o) Os que se esforçam, muitas vezes o fazem por gostarem. Desejosos quem sabe, em se aprofundarem no conhecimento da Bíblia.
p) Os que não gostam de virem à Escola Dominical, esperam em sua religiosidade e na forma de verem Igreja, que pelo menos nos cultos dominicais, venham aprender um pouco mais da prática religiosa e da fé CRISTÃ.
r) Infelizmente a igreja tem perdido o seu primeiro amor.
s) Quando a igreja se verem carentes de mudarem suas formas litúrgicas, perceberão que por muito tempo esteve centrada no culto À homens e em seus discursos falazes.
t) Quantos cultos que frequentamos com aparência de PIEDADE, mas que no fundo nada acrescentam e os louvores não batem com as ministrações?
u) Isso demonstra e comprova que tudo menos, se tem procurado deixar de ouvir o que Deus deseja que sua Igreja exercite e viva, por não ter escutado o seu querer e não o querer dos homens que a dirigem.
v) Se lê aleatoriamente uma palavra sem que Ela testifique com os cânticos, com a Palavra principal e com a pregação da noite. Pelo ou menos algum desses valores tem que serem percebidos. Testificação do querer de Deus.
x) A vida da comunidade está centrada no amor ao próximo, ou a si mesmo?
z) O dia de ceia ainda é em MEMÓRIA do Cabeça da Igreja? Ou é para que o pastor veja que ainda sou membro daquela igreja?

Se for assim, então nossa vida espiritual tem sido DENTRO DE INIQUIDADES, e quem tem ensinado o povo a ser assim, são aqueles que dormem em suas posições eclesiásticas.
Como Deus lá de cima vê?
O povo que ele escolheu para as boas obras, para sua agradável e perfeita vontade perante um mundo que padece por desconhecer à Deus. E ficamos preocupados como nossa forma de ser. Numa competição entre Igrejas e seus crentes. Afinal se tem percebido, que muitos estão dentro de suas Igrejas por crerem que suas Igrejas é que os salvam. Jesus? Ora, me parece que alguns teimam em deixa-lo na cruz, triste e amargurado por ter perecido pelas Igrejas existentes.
Mas o famoso EU impera vertiginosamente. E o amor de muitos vai esfriando.
Uma lástima!

Pb. Valdir Carvalho
Cascavel-Pr.
16.11.15

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...