quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Dia Nacional do Rádio no Brasil - 25 de Setembro


Publico  este post como homenagem a todos os profissionais e colaboradores, meus companheiros do Rede Rhema de Comunicação, que inclui o serviço de radiodifusão através do Studio Rhema e Visão FM 92,5, em Cubatão.
Minha gratidão a todos os produtores, jornalistas, locutores, apresentadores, técnicos e sonoplastas e apoiadores em geral, sem os quais, jamais seria possível levar adiante esse projeto, de nossa cidade para todo o mundo através da internet. Através desses, homenageio todos os profissionais do rádio brasileiro.   

Dia Mundial do Rádio - 13 de Fevereiro

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) reconheceu o dia 13 de fevereiro como o Dia Mundial do Rádio. A data foi escolhida para lembrar a criação da Rádio ONU, em 1946.

Dia Nacional do Rádio no Brasil - 25 de Setembro

Já no Brasil, o Dia Nacional do Rádio é comemorado em 25 de setembro, dia do nascimento de Edgar Roquete Pinto, o "Pai" do rádio.Segundo a Unesco, o rádio atinge 95% de todos os segmentos de público em todo o mundo. Nos países em desenvolvimento, mais de 75% dos lares têm um aparelho de rádio. Uma pesquisa da agência revela que a audiência do rádio subiu para 500 mil pessoas a mais no segundo trimestre de 2010, se comparado ao mesmo período de 2009.
Apesar dos canais de mídias sociais e da disseminação da TV por meio da internet, o rádio continua crescendo em penetração e em importância. No leste da África, por exemplo, o número de rádios comunitárias que transmitem nas línguas locais está aumentando. A Rádio ONU transmite programas e noticiários, diariamente, nas seis línguas oficiais da organização, mais português e suaíle. Programas em mais cinco idiomas, incluindo hindi, urdu e indonésio, são apresentados semanalmente.
O Rádio no Brasil
A primeira cidade brasileira a fazer uma transmissão radiofônica foi Recife, em 1919. Porém, a primeira emissora instalada foi no Rio de Janeiro, em 1922. Em 1923, foi fundada a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, por Roquette Pinto e Henry Morize, que transmitia conteúdos educacionais.
Já na década de 30, surgiram as primeiras rádios comerciais, que também veiculavam publicidades de produtos e empresas. Ainda na década de 30, surge a propaganda política. César Ladeira, locutor da Rádio Record, em 1932, inaugura um programa com episódios da Revolução Constituinte, em São Paulo. Também surgem os programas de auditório com a participação popular e a Rádio Jornal do Brasil estabelece em sua programação plantões informativos. Nasce neste período a Voz do Brasil.
Em 1942 surgiu a primeira radionovela brasileira: Em busca da Felicidade. A Rádio Panamericana, de São Paulo, transformou-se em “Emissora de Esportes” e surge o radiojornalismo com o “Repórter Esso”, “O Grande Falado Tupi” e “O Matutino Tupi”.
Embora esses jornais falados tenham sido os primeiros a serem lançados, atualmente, o jornal falado mais antigo do Brasil, ainda no ar, e com a mesma composição, é o jornal Falado Matutino RI, encabeçado pelos jornalistas Roque de Rosa e Antonio Carlos Pedrosa, fundado em 01 de setembro de 1964, transmitidos através do CCPR - Complexo Centro Paulista de Rádio, pelas emissoras Rádio Ibitinga AM, Rádio Ternura FM e Rádio Meteorologia Paulista Ondas Tropicais.
Jornalistas Antonio Carlos Pedrosa e Roque de Rosa
Antes disso, Roque de Rosa fundou o jornal, com o mesmo nome, na cidade de Osvaldo Cruz SP, em 1953, onde encontra-se até hoje no ar.
Nos anos 60, com a Rádio Excelsior, de São Paulo, inaugura-se a programação musical e começam a operar as primeiras rádios FM. Somente na década de 70, as rádios se tornam canais abertos voltados exclusivamente para programação musical. Em 1976 surge a Radiobrás – Empresa Brasileira de Radiodifusão, com o objetivo de organizar emissoras, operá-las e explorar os serviços de radiodifusão do governo federal.
O sistema de rádios públicas começou a ser montado a partir da incorporação ao patrimônio estatal da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, na década de 1930 pelo então presidente Getúlio Vargas. Dois anos antes da inauguração de Brasília, foi fundada em 1958, a Rádio Nacional Brasília. Em 1976, era criada a Nacional FM, de Brasília. A Rádio Nacional da Amazônia foi criada em 1977, em ondas curtas e cobrindo boa parte do território brasileiro com o objetivo de mostrar a Amazônia para o restante do País. A Rádio Nacional possui cinco emissoras de rádio e retransmite sua programação para centenas de emissoras espalhadas pelo Brasil.
Rádio digital
 A rádio digital é uma alternativa para a comunicação que garante maior qualidade às transmissões por FM e AM. Segundo estimativas da Associação das Emissoras de Rádio e Televisão do Estado de São Paulo, toda a malha de receptores de rádio será atualizada para o formato digital em até dez anos. Ou seja, durante esse período ocorrerá o simulcasting para que todas as pessoas possam ter condições de adquirir aparelhos de rádio digital.

Fonte: Brasil

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...