sexta-feira, 29 de maio de 2015

Desafio Charlie Charlie: Jovens invocam espírito em jogo de perguntas


Uma nova brincadeira tem se espalhado pelas redes sociais. Jovens invocam demônios para responder dúvidas comuns e compartilham as respostas com os amigos.
Quem tem mais de 20 anos vai se lembrar da brincadeira do compasso onde um espírito era invocado para dar respostas em uma folha de papel, podendo falar sobre inúmeros temas respondendo sim ou não ou apontando para números.
Outro jogo semelhante que levantou muitos debates no Brasil e no mundo é a brincadeira do copo, onde um espírito também dava respostas como Sim, Não, Sair e a apontava para os números de 0 a 9 e para as letras do alfabeto que eram registradas em um tabuleiro.
Agora a moda é invocar o demônio “Charles” cruzando dois lápis e escrevendo na folha não, sim, sim e não. Ao invocar o espírito e fazer a pergunta o lápis se move e dá a resposta que o jogador está pedindo.
O jogo ganhou adeptos em diversas partes do mundo e um vídeo postado no Youtube mostra vídeos publicados em redes sociais revelando os resultados das perguntas e a reação dos participantes.
Até crianças brincam com o espírito e muitas se assustam e saem correndo ao verem os lápis se movendo. Outras pessoas encaram como uma piada e brincam sobre jogar e provocar o suposto demônio.
Esse tipo de brincadeira sempre gerou debates, existe mesmo algum espírito que pode se mover nesses jogos? Há explicação física para que esses objetos se movam? Se você já teve alguma experiência com essas brincadeiras escreva nos comentários.
Com informações Revista Galileu via Gospel Prime

Meu comentário:

Orientem e proíbam seus filhos de participarem dessa "brincadeira", seja em casa, pela internet ou com seus colegas na escola.

Charlie Charlie é um jogada de marketing, uma ação viral para divulgar o filme de terror “A Forca”.

O marketing certeiro e poderoso e que deu muito certo, é uma criação da equipe do filme, que tem a mesma produtora responsável pelos sucessos de “Sobrenatural” e “Atividade Paranormal”.

O tal Charlie do jogo é inspirado no Charlie do filme. Ele era um garoto que morreu enquanto encenava uma peça de teatro no colégio. Mas aí, um tempo depois, quatro amigos resolvem montar a tal peça macabra e notam que a alma de Charlie ainda está presente no meio deles.

Obviamente, o nome dele não pode ser citado pelos personagens, que sofrerão consequências se fizeram tal coisa. O filme “A Forca” tem estreia prevista para o dia 30 de julho.

Bem, está muito claro e evidente que isso é uma iniciação ao espiritismo. Mostre aos seus filhos que, o contato com os mortos, é prática taxativamente proibida do Deus, conforme as determinações constantes na Bíblia Sagrada, senão vejamos:

Não vos voltareis para os necromantes, nem para os adivinhos; não os procureis para serdes contaminados por eles. Eu sou o SENHOR, vosso Deus.” (Levítico 19.31).

Quando vos disserem: Consultai os necromantes e os adivinhos, que chilreiam e murmuram, acaso, não consultará o povo ao seu Deus? A favor dos vivos se consultarão os mortos?” (Isaías 8.19).

e o pó volte à terra, como o era, e o espírito volte a Deus, que o deu.” (Eclesiastes 12.7).

E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo, depois disto, o juízo…” (Hebreus 9.27)

Enquanto o leitor puder e depender de você, não permita que seus filhos pratiquem essa "brincadeira" demoníaca.

Muitos testemunhos já se postaram aqui mesmo nas redes sociais, dos efeitos maléficos na vida dos que participaram desse jogo.

Fique atento, todo cuidado é pouco.

Com informações: Papel Pop

ASSISTA AQUI:

Um comentário:

Maurício de Souza Lino disse...

Jovens e crianças brincando com fogo. Podem se queimar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...