segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

CGADB - 7a. AGE em São Paulo - Participar ou não?

Fonte da imagem: Blog do Robson Aguiar

Acompanhando as publicações virtuais, entre outras inseridas no bloglist deste singelo espaço, leio a do amigo e pastor Robson Aguiar, sediado no Estado de Pernambuco, também filiado à CGADB, via CADEESO, nosso parceiro de longa data aqui na blogosfera cristã, sob o título: 7a. AGE DA CGADB SOB SUSPEIÇÃO.

Em meio as informações, concordâncias, discordâncias e críticas a respeito do sistema convencional vigente, é necessário que tenhamos todo cuidado para não cairmos na tentação dos "achismos", nem da suposição daquilo que é aparente.

Quanto meu posicionamento sôbre as divergências políticas convencionais e suas implicações, bem como sôbre a necessidade de uma trégua num disputa que se mostra interminável, já postei algo. (Veja aqui)

Agora, quanto ao artigo em tela, de autoria do amigo e pastor Robson Aguiar, vale ressaltar que esse é mesmo o pensamento, via de regra, a respeito do tema, no entanto, acabo de ter informações, oriundas de fontes fidedignas que, a realização da AGE foi aprovada em reunião da Diretoria da CGADB por maioria de votos, mas quanto ao local, por unanimidade, um vez que perguntado individualmente aos representantes de todas as regiões com assento na mesa, sôbre a possibilidade de virem a hospedar a assembleia, não houve quem manifestasse interesse, atitudes justificadas por impossibilidades locais e sazonais. Seriam reais essas impossibilidades, ou simplesmente acomodação?

Por esse motivo, entendo ser necessário que cada ministro e ou representantes das convenções regionais, façam tais cobranças ou entrem em entendimento com seus respectivos representantes junto a Mesa Diretora, para casos futuros.

Por outro lado, a disputa implementada nos últimos pleitos, trouxe um grande desinteresse na participação por parte dos ministros filiados nos eventos da instituição, ou seja, a mesma somente acontece  quando a participação é viciada e ou motivada pela disputa eleitoral, quando cabe aos interessados na eleição, sejam eles presidentes de convenções e ou ministérios, "motivar" de alguma maneira os eleitores.

Isso é, no mínimo, lamentável, pois gera certo desinteresse pelos assuntos que realmente são interessantes à denominação.

Queiramos ou não, o sistema gerou uma acomodação generalizada e uma transferência de responsabilidade.

O caso é tão sério, que muitos ministros (sei que para tudo há exceção) nem mais pagam com regularidade suas anuidades e deixam isso para usá-los como impedimento nas épocas de eleição, e dessa forma tirarem algum proveito. Lamentável, mas é a realidade.

De qualquer maneira, as inscrições para a 7a. AGE terá seu prazo expirado, amanhã - 29.12.2015, às 19h (horário de Brasília), lembrando que esse é o horário para quem vai pagar via internet.

Bem, ainda dá tempo para se inscrever e participar, ou ficaremos a mercê do voto daqueles que se inscreverem e efetivamente comparecerem ao plenário, seja para concordar, discordar e ou apresentar propostas e votarem nelas.

Façamos a nossa parte...

5 comentários:

Pastor Geremias Couto disse...

Meu caro amigo e pastor Carlos Roberto:

Postagem bem equilibrada, como sempre, que levanta algumas questões bastante importantes sobre a nossa CGADB. Chegamos a um momento crucial em nossa história assembleiana. O desestímulo é visivel pelas razões já apresentadas. Acresça-se ai a logística necessária não só para hospedar um evento desse porte, mas para que os ministros se desloquem de suas cidades para participar da AGE. Os que podem transferir esse custo para igreja, talvez tenham mais facilidade, mas muitos preferem não fazê-lo para não sobrcarregá-la com jma despesa inócua. Já os que têm de tirar do proprio bolso certamente não farão do evento a sua prioridade pela mesma inocuidade Por quê? A AGE terá como única e exclusiva finalidade discutir mais uma vez um grande projeto... de reforma eleitoral! Isso cansa. Seria o grande momemto de se repensar a estrutura denominacional... ou a fragmentação caminhará a passos cada vez mais adelerados. Abraços!

Asnan Oliveira disse...

Parabéns pelos sensatos comentários, gostaria e ora para Deus abençoa nossa CGADB a tratar mais assuntos voltados para a evangelização e afins objetivando o alcançar os que mais precisam. A Igreja na terra creio esta pra esse fim. Por exemplo a nível de sugestão CADA CONVENCAO ESTADUAL LIGADA A CGADB ADOTA UM PAIS DE FORMA ESPECIFICA E A ELE EVANGELIZAR COM FIRMEZA. Abs Orando por nosso povo.

Robson Aguiar disse...

Preclaro amigo e reverendo Carlos Roberto por quem nutro grande admiração e estima, li atentamente sua crônica acerca do meu escrito, vi que sua abordagem foi sensata e coerente como bem frisou o eminente conferencista Geremias Couto. todavia, com humildade peço vênia para pontuar acerca de duas questões;

No tocante a aprovação do local do evento, como já havia frisado, sei que foi escolhido de forma legal, e o amigo trouxe detalhes importantes e esclarecedores quanto ao fato, contudo, apesar da informação de vossa fonte que foi indagado aos representantes de todas as regiões (com assento na mesa) se algum deles poderia hospedar a AGE tendo por resposta a negatividade, me trouxe dúvidas. Fico pensando cá comigo, se realmente foram "todos" os representantes questionados ou se apenas parte deles. Principalmente o pastor Ivan Bastos, que além de tesoureiro é também presidente de uma convenção estadual. Ainda acrescento que sendo o amigo um presidente de convenção, por que também não participar de algo tão importante? Acho que esse é mais um assunto para se tratar em reforma de estatuto. Na minha concepção, local de AGE teria que ter a participação de todos os presidentes de convenções. Seria mais democrático e mais transparente.

A outra questão diz respeito ao desestimulo dos convencionais em participar de uma AGE como essa. Os pastores não são bobos, sabem que trata-se da carta marcada. A maioria absoluta que vai estar presentes a essa reunião, é da CONFRADESP, e não quero aqui dizer que sou contra ou favor de situação ou oposição, mas sou contra injustiças, ditaduras, soberbas, manipulações e seus derivados.

Se eu fosse participar de tal evento, o faria com olhar de blogueiro, de cooperador da Revista Seara News, mas não com outra expectativa. Infelizmente não poderei ir por motivos diversos, contudo desejo a todos que irão participar, uma boa reunião e que verdadeiramente Deus esteja presente direcionando aos inscritos.

Robson Aguiar


ALEXSANDRO COSTA disse...

Meu prezado pastor carlos roberto a paz de nosso senhor:

bom comentario disse tudo,meus parabens pela sabia colocação temos orgulhopr carlos de ser assembleianos mas queremos que a paz,a união reine entre os pastores, ministérios, convenções e membros desta centenária igreja,estamos orando.
http://pastoralexsandrocosta.blogspot.com.br/

Unknown disse...

Como sempre o equilíbrio pondéra o Blog Point Rhema.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...