domingo, 8 de janeiro de 2017

PASTOR TEM ALMA? - Por Ruimar Fonseca

PASTOR TEM ALMA?

Por incrível que pareça Pastor também tem alma. Sofre, chora, sorri, sente, angústia, e as vezes se deprime.

Mais do que ter alma o Pastor as vezes tem que emprestar a dele, para quem perdeu a alma. Ele chora com os que choram e ao mesmo tempo tem que sorrir com os que se alegram. É comum pastores chorarem em um culto fúnebre e logo em seguida ter que sorrir em um aniversário.

Todas as vezes que você for fazer algum comentário negativo ou crítica sobre o seu pastor, lembre-se: Ele também tem alma!

É triste dizer, mas alguns perderam a alma. Ganharam o mundo , a fama, o aplauso dos palcos e perderam a alma. Não só no aspecto escatológico mas no existencial. São moribundos, solitários, incimesmados cinicamente porque se feriram com as unhadas das ovelhas e cabeçada dos bodes.

Muitos filhos de pastores infelizmente dizem que a última coisa que querem ser é pastor. Porque? Muitos são mal pagos, incompreendidos pelo povo, injustiçados, acabam perdendo a alma e a calma.

Pastor é como jogador de futebol. Todo mundo fala do Neymar milionário enquanto existem milhares de jogadores que lutam por um salário mínimo. Não queira nivelar os pastores por aqueles que estão na mídia. Existem milhares que estão nos Campos, nos valados, nos interiores, quase que passando fome para pregar o Evangelho.

Pastores são multiuso. As vezes, tem que ser médico, advogado, psicólogo, construtor, administrador. Mas acima de tudo são pastores. Gosto do termo. 

Nos remete aos pastores de ovelhas da Palestina pouco conhecidos hoje. O trabalho não é fácil. Tem que se sujar, passar as noites em claro, enfrentar lobos e ainda não ser bem pago. Mas os que são não por opção ou interesse, mas por vocação não medem esforços. Amam as ovelhas e procuram pastoreá-las debaixo do exemplo do sumo pastor aquele a quem deverão prestar contas. 

Eu mesmo fui abençoado por inúmeros pastores. Lembro-me na adolescência de Aristóteles Torres de Alencar. Homem sério, sisudo, mas ao mesmo tempo de alma terna. Corria nos corredores da Igreja, entre os Adolescentes, que ele já tinha lido a Bíblia mais de 100 vezes!

Trabalhei ao lado de grandes pastores e com eles aprendi muito. Paulo dos Santos: paixão por missões. Hermes Mendes: ardor evangelístico. Gesiel Gomes: paixão pela pregação e pentecostalismo. Samuel Moreira: visão de grupos pequenos. Eliseu Feitosa: carisma ao lidar com as ovelhas, e o meu atual pastor Ronaldo Fonseca: sabedoria e equilíbrio para liderar. Todos marcaram profundamente. Bendito seja os nossos referenciais. Não nos esqueçamos deles.

O Brasil precisa de mais pastores sérios. A Igreja precisa de novos referenciais. Que nossa geração veja o despontar de novos pastores, não embriagados com os aplausos e luzes do púlpito somente mas com o coração também nos corredores de hospitais mas nas casas dos pobres nos vilarejos nos campos missionários e em todas as áreas da sociedade. Deus nos de mais pastores segundo o teu coração e que tenham a alma saudável para cuidar de uma Igreja saudável.

Me desculpem o tamanho do texto. Se você puder reproduzi-lo em sua rede fico grato. Este texto é uma homenagem a todos os meus amigos pastores da ADET. Obrigado por tudo. E que naquele dia quando estivermos juntos e ouvirmos do Senhor : servo bom e fiel possamos reconhecer que valeu a pena! Amo vocês de todo coração amigos !

Deixo este texto também em homenagem a quatro saudosos líderes da nossa geração. Pr. Levi Rodrigues: um dia ele me chamou de amigo e acreditou em mim. Pastor Sóstenes Apolo: ninguém valorizava uma ovelha como ele ! Pastor Russel Shedd: referencial de caráter e integridade teológica. Pastor José Ezequiel da Silva meu professor no IBAD: um verdadeiro Apóstolo que se resignou a ser chamado simplesmente de pastor !

Por Pr. Ruimar Fonseca
Vice Líder na ADET

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...