segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Pastor desaparecido é encontrado com vida no Tocantins

Ainda de acordo com o pastor Orelo, Walyson irá ficar afastado temporariamente das funções de pastor até analisar se ele tem condições de assumir ou não o trabalho como pastor dirigente.


Walyson de Sousa Santos, (24 anos) pastor dirigente da Assembleia de Deus Madureira (Congregação Rosan de Saron) no Município de Colinas do Tocantins foi encontrado com vida neste domingo, 19. Ele estava desaparecido desde de segunda-feira, 13, quando saiu para pagar despesas da igreja a qual pastoreia no referido município.
A informação de que o pastor foi encontrado, foi confirmado ao JM Notícia pelo pastor presidente da Assembleia de Deus Madureira em Colinas -TO, Marcos Orelo e pela mãe do pastor Walyson, Maria das Dores de Sousa Santos.
Questionado a onde o jovem pastor teria sido encontrado, a família afirmou que as informações concretadas seriam repassadas à imprensa somente nesta segunda-feira (20).
A investigação do desaparecimento está sob a responsabilidade da delegada Olodes Maria Oliveira, da 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Colinas -TO.

Pastor descarta sequestro e relata estado de saúde do pastor Walyson: “bem crítico”

Depois de seis dias desaparecido o jovem pastor Walyson de Sousa (24) da Assembleia de Deus Madureira de Colinas -TO foi reintegrado ao seio familiar neste domingo, 19. Ele se encontra em Araguatins -TO e o seu desaparecimento se tornou viral nas redes sociais em vários estados, depois de sair de casa na última segunda-feira, 13, para pagar ferragens da igreja.
De acordo com o pastor presidente da Assembleia de Deus Madureira de Colinas do Tocantins, Marcos Orelo, em entrevista ao site gospel JM Notícia, o pastor Walyson de Sousa “sofreu um surto psicótico, comprou passagem de ônibus e foi parar em Belém – Pará”.
Nas rede sociais, chegou-se a falar em possível sequestro do pastor Walyson, já que ele teria saído com recursos da igreja para efetuar o pagamento das ferragens, no entanto, foi negado veementemente pelo pastor Marcos Orelo:
“Não houve sequestro não, ele também não fugiu com dinheiro de igreja, não houve nada disso. O que aconteceu com o pastor Walyson foi que ele surtou, ele teve um surto, pegou um ônibus e foi parar no Belém. Então, quando ele fez contato, ele fez contato lá da rodoviária de Belém  do Pará”, disse pastor Marcos Orelo, líder da AD Madureira em Colinas -TO.

ESTADO DE SAÚDE 

Para o pastor Orelo que acompanhou bem de perto a situação do pastor Walyson, ele chegou em um estado bem crítico, após passar esses dias praticamente sem comer, sem trocar de roupa e tomar banho e não soube ainda explicar o motivo do que teria levado o pastor a sofrer o surto: 
“Ele ficou esses dias praticamente sem comer, sem tomar banho, sem trocar de roupa… agora por que ele surtou é que está o ponto de interrogação né! é preciso de um acompanhamento de um psicólogo”… “Por que ele surtou, agente não sabe”, disse Orelo.
Ainda de acordo com o pastor Orelo, Walyson irá ficar afastado temporariamente das funções de pastor até analisar se ele tem condições de assumir ou não o trabalho como pastor dirigente.
Fonte: JM NOTÍCIA

2 comentários:

Anônimo disse...

Oremos para Deus restabelecer a saúde do pastor.

Quero deixar meu comentário a respeito do que tenho visto ultimamente em nosso meio, muitos líderes, com objetivo de "renovar" a safra de pastores estão consagrando jovens, muitos deles sem preparo algum, jovens que deveriam estar sentados aprendendo hoje estão encarregados de pastorearem rebanhos. Muitos deles deparam com uma igreja onde reúnem-se diversas famílias e cada uma com seu problema, problemas esses que um jovem não é capaz de resolver. O menino surtou.....

Pb. José Roberto da Rocha disse...

Dar até medo quando vejo essas nóticias!Já basta o "pastor" que matou a esposa para herdar o seguro! Estamos vendo muita gente despreparada e sem chamada de Deus, para assumir o pastorado( Que o diga Samuel Câmara, a onde até a mulher dele é pastora, só uma pergunta: ela tb vota?))

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...