quarta-feira, 19 de abril de 2017

CGADB foi NOTIFICADA a realizar novas eleições sob comando de interventor judicial

O interventor afirmou ainda que todo o processo eleitoral da CGADB terá seu curso reiniciado com a sua participação, sob pena de nulidade, e que novas eleições serão realizadas.

O interventor judicial Dr. Márcio J. Costa (OAB-RJ 49.563) expediu nesta terça-feira (18) um documento notificando a Convenção Geral das Assembleias de Deus (CGADB) de que as eleições realizadas no último dia 09 encontram-se suspensas por sua decisão judicial.
O documento afirma também que todos os atos praticados pela Comissão Eleitoral da CGADB são nulos de pleno direito, desde a captação de votos até a publicação do seu resultado, tornando nulo também qualquer ato de posse de qualquer candidato.
O interventor afirmou ainda que todo o processo eleitoral terá seu curso reiniciado com a sua participação, sob pena de nulidade, e que novas eleições serão realizadas. A notificação determina ainda que a CGADB deve publicar a notificação em seu site oficial e caso não o faça, será configurado mais uma vez como descumprimento de Ordem Judicial.
Eleições ocorreram em descumprimento a ordem judicial
A determinação da suspensão da eleição foi feita pela juíza Angélica dos Santos Costa (Processo nº 0084255-87.2017.8.19.0001). Segundo a magistrada, ao não permitir que o interventor judicial assumisse o comando das eleições 09 e a inclusão de 10.479 inscrições declaradas irregulares, foi observado e constatado a formação de fumus boni juris (Fumaça do Bom Direito) tornando necessária a intervenção judicial.
Notificada, a CGADB passou por cima da Ordem Judicial e prosseguiu o pleito eleitoral normalmente e encerrou a votação às 18 horas, como previsto. Após esse horário, a CGADB postou no site oficial da eleição, que a mesma estava suspensa por determinação judicial até segunda ordem, no entanto, depois das 21 horas, a CGADB e a CPAD News divulgou a revelia e em total desrespeito a justiça brasileira, contrariando, liminares em pleno vigor resultado extraoficial, afirmando que o candidato Wellington Júnior é o novo presidente da CGADB.
Fonte: JM Notícia

MEU COMENTÁRIO:
O presente post é uma notícia e verdadeira, jamais me atreveria a fazer o contrário, no entanto, considerando tudo o que foi descumprido até aqui, mesmo judicialmente, não duvido que seja descumprido também, no entanto, fica aqui o registro dos fatos reais. O resultado de tudo só Deus sabe...

6 comentários:

Pb Marcio Donizetti disse...

Porque não postaram meu comentário irmão?

Pb Marcio Donizetti disse...

Porque não postaram meu comentário irmão?Se não postaram é porque estão encobrindo malandragem né

Carlos Roberto Silva, Pr. disse...

Caro irmão Márcio Donizetti,

O seu comentário abaixo, está devidamente publicado no post em que o irmão comentou.

Veja lá:

<"E incrível a fome de assumir a presidência da cgadb e lamentável se por um lado se faz de tudo pra entrar em se faz de tudo pra não sair e ainda tem coragem de falar em oração, consagração, jejum se como Deus estivesse preocupado com eleição de cgadb.Deus nos livre de homens dessa postura.Esses homens(não pastores)precisam se converter de novo,começar tudo de novo aprender de novo,e de deixar mal exemplo pra os obreiros mais novos e nós obreiros mais novos aprender com essa lição.Essa fome por poder terreno. Que Deus nós livre disso .Oremos pela reconciliação com Deus desses homens.
Em Tardin diz não reconhecer resultado da eleição da CGADB e dispara críticas contra processo eleitoral - Pb Marcio Donizetti>

Junior Melo disse...

Lamentavel , ver homens disputando cargos e benécies, Graças a Deus, a igreja do Senhor, é INVISIVEL e não há DONO , não há proprieta´rio, pois o Espirito DE Deus é o Senhor e o que guia .Façamos como Pedro que é melhor obedecer a Deus , que a homens.

Anônimo disse...

Esse povo pode dizer que é tudo,menos,HOMENS DE DEUS.

Moisés P. Santos disse...

Enquanto existe milhares de Missionários e Pastores passando privações nos campos, a CGADB fica gastando milhões para costear está vergonha mundial. Vejo isso como uma falta de respeito pelos convencionais e pelos membros em geral. Vocês já pensaram se o Juíz Sérgio Moro através da polícia federal instaurasse uma operação na CGADB?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...