sexta-feira, 1 de junho de 2018

26ª Marcha para Jesus reuniu mais de 2 Milhões de pessoas segundo os organizadores

Com um público de mais de 2 milhões de pessoas, a 26ª Marcha para Jesus atrai a presença de autoridades e políticos


Com o tema "O Rei da Glória", a 26ª edição da Marcha para Jesus reuniu milhares de pessoas na Zona Norte de São Paulo nesta quinta-feira (31).

A marcha saiu da Estação Luz do Metrô e seguiu por um percurso de 3,5 km pelas avenidas Tiradentes e Santos Dumont em direção à Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira, próximo ao Campo de Marte.

O evento promovido pela Igreja Renascer em Cristo contou com a participação de políticos como o governador de São Paulo, Márcio França (PSB), que foi recebido com orações no palco principal.  "O Brasil precisa de paz, compreensão e, acima de tudo, de muita fé. Não adianta colocar polícia, vigiar, se Deus não estiver no controle", disse ele, que está responsável pelo comando da Segurança Pública do estado.

O prefeito tucano Bruno Covas também esteve presente, acompanhado do pré-candidato do PSDB ao governo do estado, João Dória. "O ponto único é de defesa do Brasil, do crescimento do Brasil nem à esquerda nem à direita. É um palanque do Brasil. Não é um palanque do PSDB, nem um palanque do PRB", disse o tucano.


Dentre os presidenciáveis, o evento recebeu o deputado federal pelo Rio de Janeiro Jair Bolsonaro (PSL) e Flávio Rocha (PRB). Recebido no palco pelo apóstolo Estevam Hernandes, Bolsonaro não falou de política, greve ou eleições. "Hoje eu estou aqui mais para ouvir do que falar", disse ao lado senador evangélico Magno Malta (PR-ES).  "O Brasil acima de tudo, e Deus acima de todos".

A Marcha Para Jesus ainda contou com dez trios elétricos e atrações musicais como Marcelo Aguiar, Renascer Praise, Aline Barros, Bruna Karla, Damares, Cassiane, Katsbarnea, Priscilla Alcântara, Livres, Ao Cubo, Preto no Branco, Banda Dopa, Eli Soares, Ton Carfi, Leonardo Gonçalves, Pedras Vivas, Juliana Santiago, Brás Adoração, Soraya Moraes, Verônica Sacer, Paula Falcão e Maurício Paes, entre outros.

De acordo com a organização, mais de 2 milhões de pessoas passaram pela Marcha para Jesus neste ano. A Polícia Militar informou que não fez estimativa do cálculo do público.

Fonte: Guiame

Um comentário:

Laudinei- NEI disse...

Não, não tinha 2 milhões de pessoas,nem nas maiores marchas esta numero chegou a metade disso, imaginem nesta que estava bem vazia, mas o desejo de serem grandes faz a liderança apresentar este numero e se esquecem que o pai da mentira é o diabo. Fando em diabo a marcha leva o nome como e fosse para Jesus mas se era para Jesus por que os politicos em destaque? por que os artistas em destaque? porque a liderança em destaque? Alias esta turma nem marchou como o povo, pois estavam no conforto dos trios e camarins. E em que o nome de Jesus foi exaltado nesta marcha? Com certeza não foi na alienação do povo, não foi nos "eu determino" ou " eu declaro", não foi nas falsas profecias que ano a ano não se cumprem, não foi nas negociatas com lideres de ministérios para "prestigiarem o evento", não foi no acerto dos caches dos artistas gospel, e muito menos nas negociatas com os politicos de plantão. A imprensa viu o ato como politico pois o destaque foi a presença deles e o povo de Deus foi visto nas entrelinhas como massa de manobra dos coronéis. Não foi para Jesus e nem havia 2 milhões de pessoas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...