quarta-feira, 20 de outubro de 2021

Pastor exorta cristãos a darem exemplo nas redes sociais: “Não crie polêmica”


Matt Ward adotou uma política de mídia social em sua igreja para orientar os membros a usarem as redes com sabedoria.

Nos últimos anos, em um mundo cada vez mais polarizado, as redes sociais se tornaram palco de discussões raivosas e agressões verbais entre os usuários, que brigam por questões políticas e diferenças de pensamento. 

Matt Ward, que atua como pastor associado na Primeira Igreja Batista em Thompson, nos Estados Unidos, viu essa tendência chegar entre os membros de sua congregação, que passaram a valorizar mais a defesa de seus posicionamentos políticos do que os princípios bíblicos de paz e reconciliação.

Eu vejo o efeito que isso teve sobre meus amigos, membros da igreja, como isso os faz sentir”, disse Ward à CBN News.

Uma mulher, que preferiu permanecer anônima, contou que ela e uma amiga que frequentava a mesma igreja romperam uma amizade de anos, após postarem opiniões divergentes sobre as eleições presidenciais de 2020 dos EUA no Facebook.

Daniel Darling, autor do livro “Um Caminho com Palavras: Usando Nossas Conversas Online para o Bem”, concorda com o pastor, afirmando que alguns cristãos estão alimentando a incivilidade nas mídias sociais.

Temos a tendência de esquecer que as pessoas com quem interagimos não são avatares ou pixels, mas seres humanos feitos à imagem de Deus. E então, acho que esquecemos todas essas coisas quando ficamos online e, como resultado, os cristãos frequentemente agem tão rudes e pouco caridosos quanto qualquer pessoa do mundo", diagnosticou Daniel, em entrevista à CBN News.

Depois de refletir com sua igreja, o pastor Matt Ward encontrou uma solução para ensinar os fiéis a lidarem de maneira cristã com as redes sociais. A igreja adotou uma política de mídia social, com o propósito de orientar os membros a agirem com sabedoria e manter boas maneiras nas redes.

Se comportando como seguidores de Cristo no online

Ward admite que a proposta não é a única solução possível para o problema. Mas, ele incentiva os líderes e fiéis a usarem suas mídias para refletir os valores bíblicos na internet, lembrando que devemos agir como crentes também na web.

Você é cristão e sempre é cristão, mesmo quando está online. Você sempre é um seguidor de Jesus Cristo. Então, tenha compaixão. Uma resposta gentil reduz a raiva. Não crie polêmica”, disse.

O pastor também aconselha os cristãos a usarem as redes sociais para anunciar o Evangelho. E, sempre que for necessário, se retirar para evitar a discórdia e a raiva, mantendo um ambiente de paz e respeito. 

"O equivalente a ir embora é simplesmente não clicar em enviar e não responder naquele momento”, observou.

Matt Ward ressaltou que não está sugerindo que os cristãos não devem se envolver em pautas importantes dos dias atuais, mas que é preciso saber a forma correta de fazer essas discussões. 

"Acho que podemos ter conversas realmente robustas e substantivas sobre política. Acho que devemos ser francos sobre o que acreditamos, defender a verdade. Podemos até mesmo ter debates acirrados. Não é importante apenas dizermos as coisas certas e defendermos a verdade — mas como dizemos é importante”, ensina.

E conclui: "A Bíblia é uma ótima referência para toda comunicação. A mídia social é simplesmente outra plataforma de comunicação. Vamos investigar o que a Bíblia diz. E com certeza, ela diz tudo o que precisamos saber sobre como usar bem a mídia social”.

Fonte: Guiame

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...