sábado, 24 de fevereiro de 2024

Ex-ateu, Alexei Navalny, opositor de Putin, se tornou cristão antes de morrer em prisão na Rússia




Durante seu julgamento em 2021, o líder da oposição russa afirmou que havia deixado o ateísmo e se tornado cristão.


Alexei Navalny, líder da oposição na Rússia, morreu na semana passada em uma prisão no Ártico, onde cumpria uma pena de 30 anos.

O ativista ateu, de 47 anos, foi o maior adversário de Vladimir Putin. Alexei lutou contra a corrupção e organizou grandes protestos contra o Kremlin.

Segundo a CBN News, existe a suspeita de que o opositor tenha sido assassinado pelo governo autoritário de Putin.

Em 2020, Navalny foi envenenado, mas sobreviveu e recebeu tratamento na Alemanha. No ano seguinte, ele retornou à Rússia para continuar expondo a corrupção do governo. Em solo russo, ele foi detido imediatamente e preso em uma colônia penal no Ártico.

Durante seu julgamento em 2021, o ativista relatou que havia deixado o ateísmo e se tornado cristão.

"O fato é que sou cristão. Eu próprio já fui um ateu bastante militante. Mas agora sou um crente, e isso me ajuda muito nas minhas atividades. Há menos dilemas na minha vida, porque existe um livro onde está escrito, com mais ou menos clareza, quais ações tomar em cada situação. Nem sempre é fácil seguir este livro, claro, mas estou realmente tentando", afirmou Navalny, se referindo a Bíblia, conforme o Premier Christianity.

Testemunhando sua fé no tribunal

O relato foi confirmado por Sergey Rakhuba, líder do ministério Mission Eurasia, em entrevista recente à CBN News.

"Enquanto ele estava no tribunal, acredito que ele apresentou o sermão mais poderoso daquela jaula em que foi mantido no tribunal. E ele se referiu a Mateus 5:6, e disse: 'Aqueles que têm fome e sede de justiça devem ser saciados'. Ele disse que não é mais ateu e se referiu à Bíblia como um livro antigo que o mundo deveria adotar e se basear como regra para a vida diária", afirmou Sergey.

O líder também contou que Navalny chegou a compartilhar sua fé nas redes sociais. Embora alguns tenham chamado sua conversão de tática política, para Sergey, sua rendição a Deus foi genuína.

"Não sabíamos que Navalny não era mais ateu, e quando começamos a cavar mais, vemos agora que ele, no processo, quando teve que passar por todos os desafios na luta pela sua vida, ele disse que encontrou Deus e que agora ele estava se comunicando com alguns líderes da igreja na comunidade evangélica. Entendemos que ele estava em contato com alguns e 'em busca de valores eternos', como ele disse", garantiu o líder.


Fonte: Guia-me com informações de Premier Christianity e CBN News via Folha Gospel

Assembleia de Deus realiza 62ª Edição da Escola Bíblica de Obreiros em Curitiba




Assembleia de Deus Celebra 62ª Edição da Escola Bíblica de Obreiros em Curitiba



O templo Sede da Assembleia de Deus em Curitiba foi palco de intensa atividade espiritual entre os dias 09 e 13 de fevereiro, com a realização da 62ª Edição da Escola Bíblica de Obreiros (EBO). O evento, sob o tema "Tempo de Ampliar a Nossa Tenda e Firmar Bem as Estacas", recebeu calorosamente 707 alunos presenciais e 105 participantes online

O Presidente da IEADC, Pastor Wagner Gaby, expressou sua alegria ao dar as boas-vindas aos participantes desta edição histórica da EBO. Um corpo docente de excelente professores foi convocado para ministrar os ensinamentos, formado pelos Pastores José Wellington Costa Junior (Presidente da CGADB) José Geraldo Lopes (Presidente da AD em Newark - USA) Elias Moraes (Presidente da AD em Londrina - PR) Martim Alves da Silva (Presidente da CEMADERN) e Abiezer Apolinário da Silva (Presidente do Conselho Jurídico da CGADB) abordando temas relevantes como:
  • Tempo de Ampliar a Nossa Tenda e Firmar Bem as Estacas,
  • Hermenêutica,
  • Introdução Bíblica e
  • Qualificação do Ministro, além de um profundo mergulho no
  • Panorama do Antigo Testamento.

A atmosfera de aprendizado, despertamento espiritual e comunhão foi evidente ao longo de todo o evento. Uma equipe dedicada foi mobilizada para garantir o conforto e a excelência no atendimento aos alunos e professores.

Além disso, a transição do Pastor Ariel da Silveira para o Pastor Samuel Wellington Moreira marcou este momento, já que o último assumiu a posição de Superintendente de Educação Cristã, cujo titular é o responsável pela gestão da EBO. Desde sua fundação em 1962, a EBO tem sido uma referência não apenas no Estado do Paraná, mas em todo o Brasil. Em um formato que promove o estudo contínuo, os alunos matriculados após cinco participações, recebem aprendizado equivalente a um curso livre e básico de teologia e têm a oportunidade de participar de uma solenidade de formatura.

Nessa 62ª EBO, 61 alunos foram certificados. Durante a cerimônia de encerramento, foram homenageadas, as congregações da IEADC, que trouxeram o maior número de inscritos: Jardim Cruzeiro do Sul, com o 1º lugar, Autódromo 2º lugar e Jardim dom Bosco com o 3º. O Pastor Fabio Bittencourt, secretário da Superintendência de Educação Cristã, expressou sua gratidão à CPAD, filial Curitiba, pelos brindes sorteados para os alunos presentes, aos formandos desse ano de 2024 e às voluntárias do espaço kids, local onde os alunos deixaram seus filhos acomodados e seguros, sob a coordenação da Irmã Regiane Ponciano, atual coordenadora do departamento infantil.

O Pastor Wagner Gaby, em seu discurso, enfatizou a importância do estudo sistemático da Palavra de Deus para o aprimoramento do obreiro, destacando que aqueles que se dedicam ao estudo aprovado excelentemente estão mais aptos a pregar, ensinar e aplicar a Palavra com sabedoria.

Por fim, uma palavra de gratidão foi dirigida a todos os participantes e colaboradores desta 62ª edição da EBO, reconhecendo o papel essencial de cada um na realização deste evento marcante. "A Deus seja a glória", concluiu o Pastor Gaby, encerrando assim mais uma bem-sucedida edição da Escola Bíblica de Obreiros.

Texto e fotos de Ulisses Magliano



quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024

COMADESPE publica NOTA DE REPÚDIO aos ataques à Israel na fala do Presidente da República



A COMADESPE - Convenção dos Ministros das Assembleias de Deus no Estado de São Paulo e Outros, com sede na Av. Prestes Maia 241 - Conjunto 1020, Vale do Anhangabaú - São Paulo - Capital, atualmente presidida pelo Pr. Carlos Roberto Silva, emitiu "NOTA DE REPÚDIO" aos ataques à Israel na fala do excelentíssimo senhor Presidente da República Federativa do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, que comparou as ações do Governo de Israel na Faixa de Gaza, às de Hitler durante o holocausto.

As declarações do presidente chocaram de forma substancial a sociedade brasileira, em especial as comunidades católica e evangélica, e a totalidade dos filiados da instituição.

Abaixo a íntegra da nota publicada no site da COMADESPE:


"NOTA DE REPÚDIO"

A COMADESPE, representando mais de "2500 ministros" de inúmeras igrejas Assembleias de Deus no Estado de São Paulo, outros Estados e Países, vem através desta, manifestar-se publicamente em repúdio a fala do Excelentíssimo Sr. Presidente da República, "Luiz Inácio Lula da Silva", durante entrevista em Adis Abeba, na Etiópia, onde participou nos últimos dias da 37ª Cúpula da União Africana e de reuniões bilaterais com chefes de Estado do continente. 

Se não bastasse, o presidente do Brasil denunciou Israel na Corte de Haia sob a alegação de "anexação ilegal" de territórios palestinos.

Esta Egrégia Convenção afirma que as referidas falas não coadunam sob hipótese alguma com o pensamento do povo evangélico, tampouco com nossa cosmovisão.

Neste sentido, protestamos e reprovamos veementemente a atitude do mandatário em seu ato infeliz, solidarizando-se com Israel e o povo judeu quando tiveram comparada a guerra justa de Israel contra o Hamas com as ações de (Hitler) e dos (nazistas), que exterminaram 6 milhões de judeus.

Não há como comparar os fatos que ocorrem na "Faixa de Gaza" com os crimes praticados por "Hitler e seu exército Nazista", cuja comprovação é conhecida mundial e historicamente como atos de horror contra a humanidade, tendo sido uma indústria da morte e experimentos humanos.

Importante mencionar que os ataques foram iniciados pelo Hamas (grupo terrorista) em outubro/2023, cabendo a Israel tão somente o contra-ataque, sendo que neste fatídico evento centenas de civis foram mortos, sequestrados e vilipendiados, incluindo mulheres e crianças. Além disso, o Hamas por ser um grupo terrorista não respeita os acordos e tratados de guerra, tampouco os protocolos internacionais. Por outro lado, Israel é um Estado integrante da ONU, então deve seguir todos os tratados e protocolos, sob pena de sanções.

Dessa forma, a injustiça é contra a nação de Israel, que busca apenas se defender dos intensos e terríveis ataques sofridos.

Assim, nossa instituição representada por seus Ministros do Evangelho, através de sua liderança supra assinada, "data vênia", sugere ao Ilustre Presidente da República que paute pelo bom senso retratando-se da gravíssima e agressiva fala ofensiva ao povo Judeu.

"Orai pela paz de Jerusalém; prosperarão aqueles que te amam." Salmos 122:65 (JFA).

São Paulo, 21 de fevereiro de 2024.

Pela Mesa Diretora:

Presidente - Pr. CARLOS ROBERTO SILVA

Vice Presidente Executivo - Pr. LUIZ FRANCISCO DOS SANTOS
1º - Vice Presidente - Pr. EDVALDO FLORÊNCIO DA SILVA
2º - Vice Presidente - Pr. LEÔNIDAS JOSÉ DO NASCIMENTO
3º - Vice Presidente - Pr. HILÁRIO MONTI FERNANDES
4º - Vice Presidente - Pr. AFONSO ATHIÊ VALE CHAVES
5º - Vice Presidente - Pr. ELIAS CRISTO DE MELO
6º - Vice Presidente - Pr. SILVANI GONÇALVES DA SILVA
7º - Vice Presidente - Pr. ANTONIO AUGUSTO DE ARAUJO
1º - Secretário- Pr. JOSÉ VERNEQUES SANTOS
2º - Secretário – Pr. OSMAR DA COSTA PEREIRA
3º - Secretário – Pr. RUBENS LOPES GUIMARÃES JUNIOR
1º - Tesoureiro – Pr. PAULO BESPALEC
2º - Tesoureiro - Pr. ADILSON PEREIRA DA SILVA
3º - Tesoureiro - Pr. DANIEL ANTUNES DE OLIVEIRA

Secretário Adjunto - Pr. LEVI AGNALDO DOS SANTOS

PELO CONSELHO JURÍDICO:
Pr. SAMUEL NUNES DAMÁSIO
Pr. JUSCELINO VIEIRA DA SILVA
Pr. MARCOS GOUVEIA DE FREITAS
Pr. FRANCISCO VIANA JUNIOR
Pr. MARCOS ANTONIO ALVES
Pr. MATEUS SILVA CIDADE
Pr. ESTEVÃO JOSÉ LINO

CONSELHO DE APOLOGÉTICA:
Pr. JOSÉ VERNEQUES SANTOS
Pr. JOSÉ RONDINELE SIMÕES DE GOVEIA
Pr. JOEL RIBEIRO
Pr. RAMON JOSÉ DA COSTA
Pr. SÉRGIO JUNIOR DE OLIVEIRA
Ev. MURILO HENRIQUE VINAGRE DE LIMA

CONSELHO DE ÉTICA E DISCIPLINA:
Pr. JOÃO IRINEU ROSSETTI
Pr. JOÃO CARLOS BATISTA
Pr. CÉLIO SANTOS BEZERRA
Pr. MARCIO PINTO DA SILVA
Pr. JOSÉ BENEDITO TEOTÔNIO
Pr.  JOÃO ANDRÉ FERNANDES
Pr. VITOR ROBERTO FARIAS

CONSELHO POLÍTICO:
Pr. LEVI AGNALDO DOS SANTOS
Pr. OZÉIAS EVANGELISTA MARINHO
Pr. MARCOS DE NOVAES QUINTINO
Pr. VALDIR DE MORAES DE BIONDE
Pr. ROBERTO DOS SANTOS LIMA

CONSELHO DE DOUTRINA:
Pr. RICARDO RUAS DOS REIS
Pr. EDI MARCOS VINAGRE DE LIMA
Pr. VAGNER REIS DA SILVA
Pr. JOAZ CARLOS DA SILVA
Pr. ROBERTO CARLOS DE AMORIM
Pr. MÁRCIO DOS SANTOS NASCIMENTO
Pr. VALTER FRANCO DA SILVA

Fonte: COMADESPE


Pessoas que frequentam igreja são mais felizes, mostra pesquisa



O estudo da Gallup revelou que fiéis que vão a cultos apresentam um nível de satisfação com a vida acima da média.


Uma pesquisa recente da Gallup revelou que pessoas que frequentam uma igreja são mais felizes.

Segundo o estudo, realizado nos Estados Unidos, os adultos norte-americanos que frequentam cultos religiosos semanalmente afirmaram que estão muito satisfeitos com suas vidas.

A sondagem – que mede o contentamento e a realização dos adultos – revelou que o nível de felicidade tem diminuído nas últimas três décadas, chegando a menos de 50% dos entrevistados afirmando que estão felizes.

Na última pesquisa, apenas 47% estão realizados e satisfeitos, devido a preocupações, inflação e outros sentimentos pessoais.

"Este nível de satisfação mais baixo coincide com uma fraca confiança econômica", explicou o relatório da Gallup.

Felicidade acima da média

Porém, alguns grupos de pessoas se destacaram pelo nível de felicidade acima da média, incluindo os fiéis que frequentam cultos.

Entre aqueles que vão à igreja todas as semanas, 56% responderam que estão muito felizes com sua vida pessoal. Já entre os frequentadores mensais, 52% disseram o mesmo. Apenas 41% dos que raramente ou nunca vão ao culto afirmaram que estão muito felizes.

O grupo dos casados também apresentaram um nível de felicidade maior que a média: 57%.

"Alguns grupos de adultos ainda registram uma elevada satisfação com as suas vidas, incluindo americanos com rendimentos mais elevados, casados, mais religiosos, com formação universitária, americanos mais velhos e democratas", avaliaram os pesquisadores.

Bem-estar

Não é a primeira vez que pesquisas apontam que frequentar a igreja e ter fé influencia na felicidade e no bem-estar das pessoas.

No ano passado, um estudo do “Instituto para o Impacto da Fé na Vida” descobriu que as pessoas de fé na Grã-Bretanha são significativamente mais felizes do que os ateus e as pessoas não religiosas.

O estudo relata que 73% daqueles que se identificam como pessoas de fé dizem sentir “bem-estar psicológico”, em comparação com apenas 49% dos ateus.

E ainda aponta que 76% se descrevem como felizes, em comparação com 52% dos ateus. Além de 69% que se dizem otimistas quanto ao seu próprio futuro, em comparação com 42% dos ateus.

Fonte: Guia-me com informações de Faithwire via Folha Gospel

terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

Apresentação de cantora cristã Aymée Rocha viraliza na internet



Canção da cantora cristã Aymée Rocha convida evangélicos a repensarem suas ações


Viralizou neste sábado (17) o vídeo do Dom Reality, reality show musical promovido pelo empresário Paulo Alberto, onde a cantora Aymeê Rocha apresenta uma canção que leva os evangélicos brasileiros a repensarem suas ações e focarem no que a sociedade precisa.

Fazemos campanhas para nós mesmos/ eventos para nós mesmos/ estocamos o maná para nós/ oramos por nós e pelos nossos/ o Reino virou negócio/ o dízimo importa mais que os corações – diz trecho da canção Evangelho de Fariseus.

Os jurados do programa, entre eles Alex Passos e Marcos Freire, elogiaram a jovem pelo posicionamento, mas deixaram claro que ela terá dificuldades em ampliar sua canção.

O que você quer falar, as pessoas não querem ouvir (…) O mercado não quer isso, a igreja não quer isso. As pessoas do mal não querem, mas as pessoas do bem precisam ouvir isso – disse Alex Passos.

Marcos Freire, que lidera a ONG Baluarte, contou sobre os trabalhos que desenvolve com crianças na África. Chorando, ele expõe a dificuldade de encontrar pessoas que deem suporte para este tipo de projeto.

Minha irmã, não pare de cantar essas verdades, não pare de alertar ao povo que está apático, pensando só em seus interesses, que está trabalhando para prosperar, mas não para tirar as pessoas da pobreza – disse o cantor bastante emocionado.

Várias personalidades evangélicas publicaram o vídeo do programa, destacando a importância da mensagem da canção e também o alerta dado por Marcos Freire. Entre eles a senadora Damares Alves (Republicanos-DF), o pastor Luiz Hermínio e o pastor Thiago Santana.

Fonte: Folha Gospel

Assista:

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2024

Ministros evangélicos emitem nota de repúdio contra declarações de Lula sôbre Israel



O CIMEB representa 10 mil pastores de diversas denominações

O Conselho Interdenominacional de Ministros Evangélicos do Brasil (CIMEB) emitiu uma nota repúdio ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) por conta da declaração dada neste domingo (18) que comparou as ações militares em Gaza com o Holocausto judeu.

A entidade, que representa cerca de 10 mil pastores de diversas denominações, diz que a fala do petista foi “inconsequente” e “absurda”, por comprar “o massacre de mais de 6 milhões de judeus inocentes com qualquer guerra no mundo”.

O que não podemos perder em mente é que Israel é uma nação soberana, que tem direito a autodefesa, segundo as leis internacionais, por ter sido atacada em seu território pelo grupo terrorista Hamas – diz a nota.

Os pastores dizem ainda que não são favoráveis à guerra, nem a morte de inocentes, mas que “não há provas de que Israel cometeu genocídio”.

Lamentamos profundamente que a palavra do presidente Lula envergonhe o Brasil diante das nações do mundo. A declaração de Lula não representa a opinião da maioria do povo brasileiro – concluiu.

Assinam a nota nomes como: Silas Malafaia, César Augusto, Estevam Hernandes, Renê Terra Nova, Aber Huber, Victor Hugo, Galdino Junior e Luiz Hermínio.



Fonte: Pleno News
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...