sábado, 31 de março de 2012

Pr. SILAS MALAFAIA - Justifica avião e registra que presta contas aos seus parceiros


Pr. SILAS MALAFAIA


Muitos internautas criticaram o Pr. Silas Malafaia por ele ter dito que essas acusações trocadas entre Edir Macedo e Valdemiro Santiago é o sujo falando do mal lavado. O pastor leu em alguns sites que os leitores faziam criticas severas contra ele, chegando a citar que ele também desvia dinheiro dos fiéis para uso próprio.
Para tentar barrar esse tipo de comentário o líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo esclarece que o avião que foi mencionado por muitos leitores não é de propriedade dele, mas da Associação Vitória em Cristo.
Malafaia afirma também que seus patrocinadores sabiam do desejo da compra dessa aeronave e que todos foram informados através da revista Fiel sobre a compra.
Eu nunca enganei a ninguém. Na Revista Fiel nº 1 de 2005, todos os meus parceiros, a partir desta revista até a compra do avião em 2009, leram que entre os 10 objetivos do nosso Ministério estava a compra de um avião. Essa revista é enviada mensalmente a todos os meus parceiros”, escreveu o pastor.
Sobre seus rendimentos ele lembra que a Editora Central Gospel é a segunda maior do segmento no Brasil e que nos últimos anos ele lidera a lista dos pastores que mais vendem livros e DVDs. “Associação Vitória em Cristo, como todos sabem é feita através de boleto bancário, cartão de crédito e ou depósito em conta. A AVEC não manuseia dinheiro, como consequência tudo é contabilizado”, testemunha ele garantindo total transparência na entrada e saída desses valores.
Com o título de “AOS CALUNIADORES, INVEJOSOS, SIMPLES NA FÉ E PESSOAS DE BOM SENSO” o texto de Silas Malafaia cita sete tópicos para reafirmar que ele não se apodera dos valores arrecadados pela igreja que preside. “Aprendi com meu pai e meu sogro, grandes pastores, a separar aquilo que é meu do que é da igreja”.
Leia o texto na íntegra:
"AOS CALUNIADORES, INVEJOSOS, SIMPLES NA FÉ E PESSOAS DE BOM SENSO
Analisando os comentários de diversos sites que falam da briga do Bispo Macedo e Apóstolo Valdemiro, vi que algumas pessoas dizem que eu não tenho moral para falar porque tenho um avião.
O esclarecimento é para mostrar aos caluniadores e invejosos de plantão que vocês estão pecando, e livrar os simples na fé e pessoas de bem de pecarem:
1- O avião é propriedade da AVEC – Associação Vitória em Cristo, portanto NÃO é meu.
2- Eu nunca enganei a ninguém. Na Revista Fiel nº 1 de 2005, todos os meus parceiros, a partir desta revista até a compra do avião em 2009, leram que entre os 10 objetivos do nosso Ministério estava a compra de um avião. Essa revista é enviada mensalmente a todos os meus parceiros.
3- A partir da compra do avião, como fazemos em todas as revistas, mostramos os objetivos que temos e aqueles que foram alcançados. Na revista Fiel nº 61 de junho de 2010, fizemos uma matéria sobre a compra do avião, e mais uma vez a revista foi enviada a todos os parceiros do nosso ministério.
4- Toda a receita da AVEC – Associação Vitória em Cristo, como todos sabem é feita através de boleto bancário, cartão de crédito e ou depósito em conta. A AVEC não manuseia dinheiro, como consequência tudo é contabilizado.
5- Eu sou proprietário da 2ª maior Editora evangélica do país e nos últimos 5 anos consecutivos sou o pastor que mais vende livros e DVD no Brasil.
6- Além de informar aos meus parceiros sobre o objetivo de comprar um avião, em vários Congressos Fogo Para o Brasil, sempre falamos do desejo e objetivo do nosso ministério em adquirir um avião. Quando foi comprado também foi informado nos nossos congressos e milhares e milhares de pessoas são testemunhas disso.
7- Para os críticos, invejosos e caluniadores de plantão, só uma questão: O Papa anda de avião Jumbo, que é um dos aviões mais caros do mundo e ninguém fala nada. Se um pastor utiliza um avião o acusam de ladrão, dizem que roubou dinheiro da igreja para se beneficiar. Não existe nenhum pecado em uma entidade cristã possuir avião. Eles não entendem que a grandeza de um ministério dado por Deus necessita de ferramentas tecnológicas para a agilidade e o cumprimento de sua tarefa.
Mais uma vez quero reafirmar peremptoriamente, o AVIÃO É PROPRIEDADE DA ASSOCIAÇÃO VITÓRIA EM CRISTO e nunca esteve em meu nome. Aprendi com meu pai e meu sogro, grandes pastores, a separar aquilo que é meu do que é da igreja. Cuidado para você não se passar por Judas que ao ver uma mulher derramar um vaso de nardo puro e caríssimo aos pés de Jesus, disse que aquele dinheiro poderia ser dado para ajudar os pobres. Jesus respondeu: “Os pobres sempre tendes convosco”, isto quer dizer que em todo o tempo da história vai ter pobres para ser ajudado.
A verdade é que críticos e caluniadores não ajudam a ninguém, nem pobre, nem ministérios. Incomoda a eles ver a liberalidade dos outros.
Neste último final de semana, investimos mais de 1 Milhão de reais em uma Cruzada Evangelística no Marco Zero, em Recife-PE, onde mais de 400 mil pessoal foram edificadas e mais de 6.000 aceitaram a Cristo. Para os críticos e caluniadores, gastamos muito dinheiro. Para os que entendem o Reino de Deus, isso é investimento.
Texto extraído do VerdadeGospel.com

10 comentários:

Newton Carpintero, pr. e servo. disse...

Caro pr. Carlos Roberto,

A paz amado!

Sem palavras. Muitos pensamentos!

Quem viver verá!

O Senhor seja contigo, nobre pastor,

O menor de todos os menores.

Pr. Anselmo Melo disse...

nesect affithelQuem muito se justifica aos poucos se entrega.
Biel Migotto

Moyses Godoi disse...

O Valdemiro e o Macedo ao que tudo indica usam a instituição para desviar dinheiro dos fiéis, já o Malafaia usa a Palavra distorcendo-a e fazendo com que os fiéis voluntariamente comprem seu material em busca de devaneios espirituais que não tem apoio bíblico, compra quem quer, ele é mais esperto para controlar a ganância do que os outros dois...

Jeferson Martiniano, Pr. disse...

Acredito na sinceridade do Pr Silas Malafaia!! Realmente seu pai e seu sogro foram Grandes Homens de DEUS e como seus Mestres e Ensinadores,o formaram para Fazer a Obra de DEUS. Ele realiza um trabalho tremendo e tem sido mt Abençoado!! Isso tráz inveja,duvida e preocupação em mt gente... Eu oro por ele para que DEUS o Abençoe e a mim não desampare. Sigo como simples missionário e pastor(hoje em Portugal),com mt dificuldade,mas compreendo que cada um deve cumprir sua Missão,sem julgar,nem apontar os outros.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Mark Lemos, Pr. disse...

Prezado Pr. Carlos, Paz!

Quero lhe parabenizar por manter milhares de cristaos Brasileiros informados de maneira Imparcial e isenta dos acontecimentos no meio evangelico de nosso pais.

Nunca fui e nao sou discipulo e seguidor do Pr. Silas Malafaia, mas eu o amo como meu irmao em Cristo, e o respeito por utilizar o forum que tem para defender os ataques feitos a igreja brasileira e afirmar os principios da Palavra de Deus, em questoes como aborto, casamento entre pessoas do mesmo sexo, etc..

A maneira como a AVEC gerencia e aplica os seus recursos, oriundos de suas multiplas formas de receita eh da responsabilidade da diretoria do ministerio referido. Em ultima instancia a responsabilidade sobre os recursos da Obra do Senhor nao esta sobre os ombros de quem oferta, mas sim de quem gerencia e os aplica, "a quem muito eh dado, muito sera requerido".

Creio que as unicas pessoas que tem o direito de criticar, contestar, pedir esclarecimentos e outras informacoes sao aqueles que contribuem e sustentam a AVEC. Quanto a mim fico com a palavras dos Apostolo Paulo em Romanos 2:1 - Portanto, és inescusável quando julgas, ó homem, quem quer que sejas, porque te condenas a ti mesmo naquilo em que julgas a outro; pois tu, que julgas, fazes o mesmo.

Abracos de seu irmao e admirador.

Mark Lemos


Sent from my iPad

edna disse...

Pobre envejosos...

Eu adimiro o Pr Silas Malafaia,
Deus é com ele.
Grande é a obra que Deus colocou em suas mãos, o Senhor é contigo, Homem valente.

Daladier Lima disse...

Prezado Pr. Carlos, não sou dos admiradores do Pr. Silas, os motivos estão em meu blog. Aliás, procurei sempre ser justo ao me referir ao televangelista. Faço, porém, duas colocações dentro do post:

1) É lícito que ele use um avião para seus deslocamentos. Impossíveis se não tivera tal facilidade. Coaduna, inclusive, com aquilo que prega: Teologia da Prosperidade. Há quem financie o objetivo, então é crítica vazia. Boa parte dos que o criticam tão somente por utilizar um avião em seus deslocamentos, não entendem a dimensão que ele assumiu em nossos dias e gostariam mesmo era de tê-lo para si. PORÉM, no período em que ele adquiriu a aeronave, quer em seu nome ou da Associação (a inserção deste detalhe é mera peça retórica, pois o aludido pastor pode dispor do mesmo à seu bel prazer, inclusive, poderia ser analisado à luz do Direito Tributário a facilidade de colocá-lo em nome de uma associação...), alardeava estar em dificuldades financeiras. Contraditório? Certamente;

2) É impossível juntar 400.000 pessoas no Marco Zero em dois dias e quem estava presente ou assistiu pela TV não encontrou nem seiscentas almas no convite. Como a organização multiplicou os números não sabemos. Nos eventos mundanos, se consegue reunir ali, com a utilização das ruas adjacentes, 40 mil pessoas!

São paradoxos assim, numa pequena nota, que descredenciam moralmente as justificativas do televangelista, jogando-o na vala comum dos citados em seu post. Minha dor é que as pessoas nivelam-nos a todos pelo mesmo prisma. Quem está fazendo um trabalho sério, e quer, no máximo, ganhar almas pra Jesus (um objetivo meio esquecido entre nós) acaba levando a pecha.

Tempus est magister!

Daladier Lima

Daladier Lima disse...

Ia esquecendo, me permita complementar dizendo o seguinte:
O avião de Silas Malafaia está para a AVEC, quanto a Record está para o Bispo Macedo!

Joabe disse...

Na reportagem do Domingo Espetacular demonstrou de forma irrefutável que o período no qual Valdemiro Santiago fazia seus apelos mais veementes, coincidiu com a compra de sua fazenda. Seria interessante que fosse demonstrado onde Malafaia afirma passar por problemas financeiros e mesmo assim adquirir a aeronave.
Seria interessante uma analise mais técnica para desmentir a informação sobre os participantes da Cruzada. Assim como a Folha fez com a Parada Gay de São Paulo do ano passado.
E, salvo engano, Edir Macedo é DONO de 90% da Record (os outros 10% é da mulher dele, hehehe)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...