domingo, 7 de junho de 2015

"Evangélicos" saem do armário e fazem marcha contra a intolerância na Parada Gay


Jesus cura e homofobia - "Evangélicos" saem do armário e fazem marcha contra a intolerância na Parada Gay

Pastores, "fiéis evangélicos" e católicos farão um ato contra a homofobia na Parada Gay, que acontece no domingo (7). Eles marcharão na Avenida Paulista com a missão de combater a intolerância e violência praticadas por fiéis à comunidade LGBT.
Mais de 431 pessoas já confirmaram presença na página do evento no Facebook. A marcha "Jesus Cura a Homofonia" se contrapõe à "cura gay", projeto sugerido pelo deputado federal João Campos (PSDB-GO). Ela está marcada para às 9h30 da manhã, em frente ao Conjunto Nacional.
Com cartazes como "Somos evangélicos. Malafaia e Feliciano não nos representam". "O maior valor bíblico é o amor" e "Deus respeita suas escolhas! Nos também respeitamos", o objetivo do evento é protestar contra a homofobia -- principalmente entre os religiosos.
Esta semana foi palco da intolerância de alguns grupos evangélicos e cristãos à comunidade LGBT. Após O Boticário divulgar sua campanha para o Dia dos Namorados, na qual aparecem casais gays, o pastor Silas Malafaia publicou um vídeo em que convoca o boicote à marca, uma vez que os gays "querem mudar um paradigma da sociedade" e que o homossexualismo (sic) é "é comportamento e não condição" e, por isso, é passível de ser condenado.
Além de Malafaia, religiosos e defensores da "família tradicional brasileira"registraram queixa no Reclame Aqui, site de reclamações de consumidores, e ao Conar, órgão que regula a publicidade brasileira.
Fonte: Brasilpost
MEU COMENTÁRIO:
Não concordar com a totalidade de ações do Pr. Silas Malafaia, ou com o seu "modus operandis", desconfiar das suas motivações, creio que tudo isso faz parte do relacionamento humano, principalmente quando se trata de uma figura pública que, queiramos ou não, ganhou notoriedade e grande credibilidade no meio da comunidade evangélica.
Tenho discordado muito, mas também concordado com ele em algumas situações, até porque não há como discordar só porque é ele quem está dizendo, creio que isso é uma questão de justiça.
Agora, um grupo que se diz "evangélico"se aproveitar de uma situação como a da Campanha publicitária do BOTICÁRIO, em que o Pr. Silas Malafaia propõe um boicote (algo realmente discutível no meu entender), para criar uma uma cisão "evangélica" com tal visibilidade a favor do homossexualismo, no meu entender, não passa de gente SAINDO DO ARMÁRIO.
Simplesmente lamentável!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...