sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Pastor Franklin Graham envia mensagem à comunidade LGBT: "O mundo está lhes enganando"


Na última terça-feira (1), o pastor, diretor daAssociação Evangelística Billy Graham e da missão Bolsa do Samaritano, Franklin Graham publicou em sua página oficial do Facebook, uma mensagem dirigida a todas membros da comunidade LGBT, afirmando que ele quer está lhes dizendo a verdade, enquanto a sociedade os está "enganando".
"Deus criou o sexo e o deu como uma presente para que nós apreciássemos, mas Ele também nos diz em Sua Santa Palavra que este deve ser reservado para um relacionamento conjugal entre um homem e uma mulher. Qualquer tipo de atividade sexual ou relação sexual fora disto é pecado", escreveu Graham em uma mensagem para "todos os gays, lésbicas e transgêneros", postada em página do Facebook.
"O mundo gostaria de redefinir o casamento e outros limites para o sexo, mas não cabe a nós definir isto", acrescentou.
"Deus, o Todo-Poderoso, o Criador estabeleceu o padrão no início dos tempos. Os inimigos de Deus gostariam que vocês fossem enganados, mas Deus quer o melhor para sua vida. Ele quer que saibamos a verdade: Deus quer que todos nós estejamos estar com Ele no Céu, na eternidade - mas nossos pecados bloqueiam este caminho".
Graham argumentou que ele estava escrevendo para os membros do movimento LGBT, porque ele os ama o suficiente para dizer-lhes a verdade. Ele acrescentou que ele também é um pecador, e que seus próprios pecados "não podem ser facilmente limpos", mas ele acredita que foi perdoado, porque ele se arrependeu e pediu perdão a Deus quando ele tinha 22 anos de idade e tornou-se um cristão.
"Naquela noite, pedi a Jesus Cristo que entrasse na minha vida e assumisse o controle da minha vida. Estou tão agradecido por Sua salvação e de ser capaz de viver a minha vida sabendo que Deus me perdoou dos meus pecados", Graham explicou em seu post.
Ele continuou sua mensagem, pedindo fizessem a 'oração do pecador' e escreveu no final: "Deus te abençoe, e lembre-se que Deus te ama e eu também".
Casamento gay
O líder da Associação Evangelística Billy Graham tem sido um crítico da decisão da Suprema Corte dos Estados Unidos, tomada em junho, que legalizou o casamento homossexual em todo o país. Ele alertou que Deus poderia punir os Estados Unidos por causa desta decisão, que foi contra a definição tradicional de casamento.
"Nossa nação tem um problema espiritual e precisamos do perdão de Deus. Precisamos nos arrepender de nossos pecados e nos convertermos, porque eu acredito que o julgamento de Deus virá sobre esta nação", disse o pregador na ocasião.
"Quando lemos nas Escritura, vemos como Deus julgou Israel em diversos momentos, quando eles iriam virar as costas para Ele e começar a adorar outros deuses, deuses estrangeiros e Deus traria juízo a Israel. Eu acredito que Deus poderia trazer julgamento sobre a América".
Amor = um mandamento
Ele também foi decidiu cortar relações comerciais com empresas, como a Wells Fargo, que incluiu um casal gay em um de seus anúncios de TV, mas afirmou que os empresários também devem ser "amigáveis" - como indivíduos - com os homossexuais.
"Por isso quero dizer que os empresários - como indivíduos - devem ser amigáveis para com os clientes gays, bem como nós, cidadãos devemos ser amigáveis a todos, mesmo se ou quando estamos em desacordo com eles", disse o pastor em junho.
Ele também disse que para os cristãos, o ato de ser amigável para com os homossexuais "não é algo opcional".
"O próprio Jesus deu um ultimato no Evangelho do Novo Testamento de João: 'Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei, você também devem amar uns aos outros", escreveu Graham, citando as palavras de Cristo.
Fonte: CPAD News

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...