sexta-feira, 22 de abril de 2016

Movimento pentecostal moderno completa 110 anos com avivamento

Azusa Street Now reuniu cerca de 120 mil pessoas em Los Angeles

O pastor William J. Seymour, 43 anos, era negro, filho de ex-escravos e apesar de todo preconceito que sofreu, foi um dos fundadores do movimento pentecostal moderno. As pregações que fazia em 1906 nas reuniões de oração realizadas no número 312 da rua Azusa, em Los Angeles, insistiam que a evidência do batismo no Espírito Santo era o falar em línguas estanhas.
Seu ensinamento foi combatido durante muito tempo por pastores locais, classificado de “estranha doutrina”. Mas em 9 de abril de 1906, após cinco semanas de pregação e de oração de Seymour, as pessoas começaram a ser batizadas com o Espírito Santo em um movimento de avivamento que durou cerca de 10 anos e deu origem a diferentes denominações pentecostais no planeta.
A mais conhecida é a Assembleia de Deus, maior denominação evangélica e pentecostal do mundo, contabilizando mais de 66 milhões de membros. Ela também é a maior do Brasil, onde foi fundada em 1911 e hoje reúne cerca de 12 milhões de pessoas.
Em comemoração aos 110 anos de avivamento, o ministério The Call organizou um megaevento em Los Angeles, neste sábado 9 de abril. Liderados pelo evangelista Lou Engle, o encontro tinha um ideal profético. Diversos outros ministérios estão apoiando a iniciativa.
Baseados no trecho de Atos 1:12-24, que conta como 120 pessoas estavam reunidas no Cenáculo em Jerusalém aguardando a descida do Espírito Santo, o ministério anunciou que reuniria 120 mil no estádio Colisseum Memorial. Batizada de Azusa Now, a reunião durou 15 horas. A chamada do evento afirmava que seria uma oportunidade para “unidade, milagres, cura e a proclamação do evangelho”.
Embora o local escolhido ficasse em Los Angeles, próximo a antiga rua Azusa, milhões de cristãos ao redor do mundo tiveram a oportunidade de assisti-lo pela internet.  O site God TV e os canais pagos TBN, Juce TV e Daystar também transmitiram ao vivo para todo o mundo.
A iniciativa foi paralela a outros eventos em busca de um avivamento mundial, como o UnitedCry, que reuniu no mesmo dia 30.000 pastores na capital Washington para “oração de arrependimento e clamor pelo despertamento espiritual dos EUA”.
Em outros países de fala inglesa, diferentes ministérios montaram eventos paralelos para um clamor similar. Na África do Sul, a Central Parks City Church alugou um ginásio local para transmitir o evento a uma multidão de evangélicos de diferentes denominações.
De acordo com TheCall, ministério de intercessão presente em vários países do mundo, o avivamento de 1906 foi baseado em três fatores principais: “Houve uma reunião multiétnica de seguidores de Cristo (Atos 2: 1-11). Em segundo lugar, o ministério miraculoso do Espírito Santo manifestou-se (Atos 2: 2-4). Finalmente, houve uma apresentação clara do evangelho levando muitos à salvação (Atos 2: 37-41) “.
Eles acreditam que Deus deseja mover-se com o mesmo poder e propósito hoje. “Precisamos de um verdadeiro jubileu de amor e misericórdia para varrer a nossa terra”, declaram os organizadores do evento.
A única resposta para o mundo pode ser encontrada em Cristo. Oração, amor e unidade continuam a ser o modelo de Atos 2 para nós”. Os ministérios envolvidos no Azusa Now acreditam que esse pode ser o início de um avivamento mundial e até o mover final do Espírito nesses últimos dias.
O portal Gospel Prime acompanhou parte da transmissão pela internet e ouviu vários testemunhos de pessoas que foram curadas. Alguns vídeos com esses registros já estão circulando nas redes sociais.
Com informações de Gateway via Gospel Prime
Assista ao evento (com narração em português)

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...