terça-feira, 20 de setembro de 2016

Igreja distribui gasolina de graça e evangeliza motoristas



evangelizando-com-gasolina

Pastor Bobby Manning afirma que se inspirou no ministério de Jesus

por Jarbas Aragão 
Para os padrões brasileiros, talvez ter um carro ou moto não seja possível para quem se denomine “pobre”, mas nos Estados Unidos o acesso é bem mais fácil. Uma igreja do estado de Maryland resolveu fazer uma ação evangelística oferecendo gasolina para os vizinhos do seu templo. Enquanto as pessoas abasteciam, voluntários falavam com elas sobre Jesus e apresentavam os programas sociais da congregação.
A Primeira Igreja Batista do Distrito Heights resolveu criar o evento “Gasolina Paga”, onde os interessados podem colocar até US$ 20 em seus tanques, o que em alguns casos, é o suficiente para encher. Eles fizeram um contrato com um posto e entre as 8 e as 11 da manhã de sábado irão oferecer não só gasolina, mas também palavras de apoio.
Bobby Manning, pastor que teve a inciativa, conta que ouviu falar desse tipo de ação em uma cidade de Nova York e achou estranho. Depois, refletiu sobre o assunto e concluiu que seria uma boa ideia.
Ele conta que procurou um posto, mas o dono não se interessou pela parceria.  O que o deixou curioso sobre a rejeição da possibilidade de se fazer algo pelos moradores. Ouviu que não existia interesse de alguns comerciantes locais em se associar com a “religião”.
Isso só o estimulou a continuar tentando, pois deseja acabar com essa ideia de que as igrejas só querem tirar e nunca dar. Acabou encontrando um empresário que estava disposto e o posto fica na área mais carente do bairro. Curiosamente, o pastor Manning já fez no passado uma ação semelhante em uma lavanderia.
Sua igreja fechou o espaço durante uma manhã e ofereceu sabão em pó e acesso livres a lavadoras e secadoras para os membros da comunidade. Para ele, gasolina e roupa limpa são necessidades básicas, que muitos não têm acesso.
O líder religioso explica que oferecer aos moradores da comunidade serviços gratuitos é uma forma de demonstrar amor. Manning pastoreia a igreja de 400 membros há cinco anos.
“Nossa igreja está empenhada em servir bem a nossa comunidade”, esclarece. Ele questiona: “Se a sua igreja fechasse as portas alguém da vizinhança iria sentir faltar?”.
Finalizou dizendo: “Quero ter certeza que estamos servindo nossa comunidade tão bem que até mesmo as pessoas que não frequentam saibam que a igreja está aqui e se preocupa, pois esse é o tipo de ministério que Jesus tinha”.
Com informações Christian Post via Gospel Prime

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...