segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Cantor troca os palcos por evangelismo em prisões: "A visão de Deus é maior"


O aclamado cantor Mark Collie é um excelente exemplo de que Deus usa seus filhos para grandes propósitos.

Conhecido por escrever músicas de sucesso para Garth Brooks e Tim McGraw (A Cabana), além de ser reconhecido por sua carreira de cantor e ator, ele está em uma nova fase de sua vida desde seu último disco, Alive at Brushy Mountain em 2012.

Seguindo uma ordem de Deus, ele gravou o projeto em uma prisão. A experiência fez com que ele tomasse uma decisão importante: evangelizar na cadeia.

Hoje, Mark é um uma grande peça na recuperação dos reclusos por meio da terapia musical em prisões do estado do Tennessee. Juntamente com a Corizon Health, ele trabalha com a equipe de saúde comportamental dessa organização para integrar música e aconselhamentos.

Recentemente, Mark foi entrevistado pela CBN News e falou sobre o fato de abrir mão de sua carreira para dar atenção aos presos e falar de Cristo, a saber que canções podem trazer liberdade para qualquer um. Ele também falou sobre como Deus o está usando neste ministério tão necessário.

"É surpreendente, às vezes, como o Senhor pode ter um plano quando obviamente não vemos muita coisa na nossa frente. Quando peguei meu violão e fui para a penitenciária de Brushy, nunca pensei que isso teria um impacto tão grande", disse.

Visão maior

"Eu nunca poderia ter visto isso sozinho. Depois de completar o álbum e o documentário, eu não tinha percebido as histórias fantásticas que estavam a minha volta, sobre como vidas foram melhoradas. É bom saber que esse projeto ajudou algumas pessoas. Fico feliz de ser parte disso. O Senhor tem uma ótima maneira de nos usar durante certos momentos, apesar da nossa visão. Ele tem uma visão muito maior que a nossa", explicou.

"Eu nunca poderia ter visto isso sozinho", disse o cantor que obedeceu ao chamado de Deis. (Foto: Reprodução).

"Eu ainda não estava preparado para aceitar esse tipo de desafio. Levou muito tempo porque eu atravessava uma verdadeira redescoberta de mim, minha fé e minha compreensão disso. Eu tinha muita cura pela frente. Eu não estava pronto, mas vejo isso agora. Eu não estava preparado. Na verdade, se Deus tivesse me mostrado o que ia acontecer, eu diria que isso é uma ótima vocação, mas perguntaria se eu teria outras opções", disse.

"Sou tão abençoado porque posso ver em primeira mão como uma música pode ser importante, como ela pode se comunicar e como ela pode nos levar a uma maior compreensão. Eu sempre amei ir à igreja e um dos motivos sempre foi a música. É uma coisa linda e eu agradeço a Deus por isso. O Senhor sabe o que Ele está fazendo mesmo quando eu não sei", colocou.

Mark ainda falou sobre um dos casos. "Seu nome é Andy e ele tem uma ótima história sobre como deixou a prisão depois de passar muitos anos lá. Ele iniciou seu próprio negócio e eu fiquei muito orgulhoso disso. Então, eu compartilhei essa história todo o grupo de presos. Eu pensei que seria mesmo uma ótima oportunidade para compartilhar Cristo". finalizou.

Fonte: Guiame

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...