quinta-feira, 10 de maio de 2018

Temer busca apoio da Assembleia de Deus e da Universal, diz jornalista

O presidente Michel Temer tentará estender  apoio para o seu candidato na eleição presidencial

Segunda a jornalista Andreza Matais, do jornal O Estado de São Paulo, o presidente Michel Temer  (MDB) está buscando apoio da comunidade evangélica para promover as realizações de seu governo e tentar um possível apoio ao candidato do partido para o substituir na Presidência da República.
Com a ajuda do ex-ministro e pastor Ronaldo Nogueira, Temer participará de encontros com líderes da igreja Assembleia de Deus e da Igreja Universal do Reino de Deus, juntas essas denominações têm mais 23,8 milhões de fiéis no Brasil.
Essa aproximação de Temer com os evangélicos não é recente, desde que assumiu a Presidência ele teve buscado apoio das lideranças. Mas dessa vez, além de expor suas conquistas, o emedebista também tentará estender  apoio para o seu candidato na eleição presidencial.
Os votos dos evangélicos serão decisivos para as eleições deste ano, logo são  cobiçados por todos os partidos. Nos próximos meses Temer fará uma série de eventos com as igrejas e tentará conquistar o público falando, por exemplo, sobre a  retirada da ideologia de gênero da base curricular do MEC.
Fonte: JM Notícia
MEU COMENTÁRIO:
O Presidente Michel Temer buscar o apoio de todos, faz parte do jogo do interesse político e, na condição de Presidente da República, isso lhe facilita chamar os líderes que quiser para interagir e buscar tal apoio.  
Não critico irresponsavelmente os líderes religiosos que aparecem na foto, uma vez que essas situações são normais, principalmente quando se trata de autoridades civis ou eclesiásticas, por outro lado, nem sabemos se a foto divulgada pela jornalista faz parte do contexto da notícia,  no entanto, qualquer acordo que comprometa o voto dos fiéis é algo totalmente fora do contexto, e é coisa da velha política.
O máximo que a igreja pode fazer nas circunstâncias atuais e na condição de  cidadãos brasileiros, é a conscientização do nosso povo, para tanto, esses líderes precisam estar descomprometidos com políticos, cargos, partidos e quem quer que seja, para que sejam ouvidos e tenham credibilidade para isso.
Esse é  meu pensamento, salvo melhor juízo, agora, com as proibições para arrecadação de recursos para campanhas políticas, os protagonistas procurarão os grupos corporativistas, e nesse caso naturalmente a igreja está inserida, nós é que precisamos vigiar e ter toda a prudência necessária.

2 comentários:

Unknown disse...

Meu Caro Companheiro Pr.Carlos e Louvável a sua opinião, Mais não Resta Dúvida que Entre Líderes de Denominações Existem uma Gama de Lideranças que Como posso Dizer são Viciadas em política Líderes que se Envolvem Grandemente e até Mesmo influenciando os Fies em todos os embates políticos ou Como Dizem Vendem o Rebanho de Porteira Fechada. Hoje se Lançam Candidatos Evangélicos de as Denominações com descupa de Lutar pelos Evangélicos e Combaterem as más influências políticas que Venham contra a Igreja. Embora meu Amigo oque Vejo e Nosso Inimigo Crescendo a Cada Dia com novas sanções contra a Igreja e Nada da Bancada Evangélica deter o Avanço destas afrontas contra o povo de Deus.. o que Vejo em Alguns e terminar um mandato e tentar ganhar outro pra Fazerem o seu Pé de meia..esta é minha opinião. Pastor Ronaldo Silva

Eliseu Antonio Gomes disse...

Gostei das suas considerações, Pastor Carlos.

Realmente, não existe mais grande influência pastoral n oque tange alavancar votos políticos. Existe, mas não deve ser algo numericamente considerável.

Não sou contra haver a indicação de pastores aos candidatos. Penso que o que deve haver nessa situação é a responsabilidade entre todas as partes envolvidas. O candidato deve honrar suas promessas de campanha; o pastor precisa ter o cuidado para não se corromper ao se envolver com o sistema corrupto; e o eleitor deve exercer sua cidadania e fiscalizar o candidato que elegeu.

Aproveito a oportunidade para convidar o sr e seus leitores a visitar o meu blog. Este ano, em 12 de junho, se assim Deus permitir, completará 11 anos de atividades, e está perto de atingir a marca de 5 mil postagens. Passem lá!

Abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...