sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Edir Macedo processa Haddad por ser chamado de ‘charlatão’


O bispo Edir Macedo, da Igreja Universal do Reino de Deus, decidiu entrar na Justiça contra o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, após ele chamá-lo de “charlatão”. As informações foram dadas pela colunista Mônica Bergamo do jornal Folha de S.Paulo.
No pedido, Macedo pede uma indenização no valor de R$ 83 salários mínimos e que Haddad “se abstenha de todo e qualquer ato ofensivo e inverídico” sobre o bispo assim “como atos que propagam a intolerância religiosa, especialmente por meio de entrevista e publicações na internet”.
Durante uma entrevista, o candidato do PT afirmou que seu adversário nas eleições, Jair Bolsonaro, é “o casamento do neoliberalismo desalmado, representado pelo Paulo Guedes, que corta direitos trabalhistas e sociais, com o fundamentalismo charlatão do Edir Macedo“.
O bispo pediu que Haddad remova o vídeo com a declaração de suas redes sociais e que se retrate “perante o autor, líderes e fiéis da Igreja Universal do Reino de Deus, bem como internautas e telespectadores, por meio de mensagem falada ou escrita”, tendo ainda que “constar, especificamente, o arrependimento por parte do réu. Sendo que o autor deverá aprovar previamente o conteúdo da referida retratação”.
De acordo com a publicação, Edir Macedo irá doar a indenização para uma instituição de caridade.
Fonte: Pleno News

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...