domingo, 24 de maio de 2020

Igrejas poderão retomar cultos a partir dessa sexta, com limitações de lotação dos templos, no Paraná

A partir dessa sexta-feira, 22 de maio, igrejas e demais templos religiosos estão liberados para retomar a celebração de cultos, missas ou reuniões no estado do Paraná. A medida, no entanto, tem regras rígidas diante do cenário de pandemia.
A Secretaria de Estado da Saúde (SESA) publicou uma resolução autorizando a retomada das celebrações com limite de ocupação dos templos em 30% da lotação máxima.
As regras foram criadas pelo Centro de Operações em Emergências (COE), de acordo com informações da emissora RPC, afiliada da Globo. As determinações estão sendo consideradas bastante restritivas pelo governo para o enfrentamento ao novo coronavírus.
O Paraná tem 137 mortes e 2.616 casos confirmados da Covid-19. Diante disso, a SESA listou uma série de medidas a serem tomadas pelos templos. Ao todo são 34 artigos, que estipulam, dentre outros pontos a distância entre assentos de no mínimo dois metros.
Para as igrejas que usam bancos coletivos, o móvel precisará ser reorganizado e demarcado, de forma a garantir que os fiéis mantenham o afastamento mínimo. A normativa prevê ainda que as celebrações religiosas devem evitar práticas de aproximação entre as pessoas e outras formas de contato físico, como dar as mãos, beijos, abraços, apertos de mãos, entre outros.
Nos casos da santa ceia, para os evangélicos, e eucaristia, para os católicos, os sacerdotes devem entregar nas mãos dos fiéis, e não na boca, os elementos do rito.
As igrejas e demais templos devem dar condições para que as pessoas higienizem as mãos com álcool 70%, e a participação de pessoas do grupo de risco nos cultos, como maiores de 60 anos, hipertensos, diabéticos, cardíacos e gestantes, não é recomendada.
Fonte: Gospel+

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...