segunda-feira, 2 de julho de 2018

Com proibição de cultos na concentração, jogadores da Seleção brasileira falam sobre fé nas redes sociais

O lesionado Douglas Costa também se manifestou sobre “plano de Deus”

A proibição da FIFA das manifestações religiosas em campo parece não ter causado impacto durante a Copa do Mundo. Em vários jogos, jogadores religiosos foram vistos fazendo orações em campo após as partidas.
Na concentração da Seleção Brasileira a proibição dos cultos da "era Dunga", foi retomada esse ano pelos cartolas.
    Isso não impede os atletas de continuarem falando sobre sua fé nas redes sociais. Com uma participação até aqui abaixo do esperado, o Brasil chega nas oitavas de final como uma das únicas seleções campeãs com possibilidade de levantar a taça.
    Faltando pouco tempo para o jogo contra o México, o atacante Neymar publicou no Instagram um pedido: "Que Deus nos abençoe e nos proteja". Uma hora depois, a mensagem teve quase um milhão e meio de curtidas.
    Evangélico, o goleiro Alisson Becker também se manifestou sobre a expectativa do embate de hoje: "Uns confiam em carros, outros em cavalos, mas nós faremos menção do nome do Senhor!! Que Deus nos abençoe!" #AB1 #Deusnocontrole
    O zagueiro Thiago Silva, capitão da Seleção em 2014, e que voltou a assumir essa condição com Tite, usou sua página para comemorar a chegada às oitavas: “Que toda honra e glória seja dada a ti pai!!”.
    Mais discreto que os outros, o lesionado Douglas Costa não entra em campo hoje. Mesmo assim, em seu perfil expressou sua confiança na recuperação, afirmando que para tudo Deus tem um plano.
    Com informações Gospel Prime

    MEU COMENTÁRIO:

    Em que pese as manifestações nas redes sociais terem uma boa intenção evangelística, é bom ressaltar que seria de bom alvitre que todos os jogadores que se dizem cristãos evangélicos, dessem um bom testemunho da sua fé em Cristo em todos os sentidos.

    Alguns dentre os tais, envergonham o evangelho, aparecendo muito mais na mídia com seus maus testemunhos na vida cotidiana, sem falar do "palavreado chulo" durante os jogos, tudo gravado e transmitido em tempo real para o mundo, e é bem possível que muitos nem sejam corrigidos pelos seus líderes, se é que os teem, por conta da fama e de suas contribuições.

    Baseado nesses "ícones", muitos crentes neófitos em várias igrejas, principalmente os mais jovens, passam a ter comportamento semelhante e passam a exigir que seus irmãos na fé, bem como seus pastores vejam isso com naturalidade.

    É dura essa palavra e até parece um contra senso, mas é necessário esse alerta, afinal de contas, o testemunho de vida cristã fala mais alto do que as mensagens nas redes sociais.

    Prestem atenção que minha fala se restringe a alguns, portanto não todos. 

    Verifiquem que será muito fácil de identificar os que assim agem.

    Vigiemos!

    Um comentário:

    José Roberto disse...

    Pelo que eu conheço, do Deus que eu sirvo,ele pouco tá ligando para essa orgia,regada a álcool,prostituição e drogas,principalmente desses malandros jogadores que se rotulam cristão. Afinal ninguém quer ser do diabo! é impossível ser um cristão verdadeiro,e querer conviver em um ambiente de corrupção,violência e promiscuidade como o é o futebol!

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...