quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Sobrevivente da tragédia em Brumadinho reconhece: “Deus me abençoou”

Após uma tragédia de grande magnitude como a ocorrida em Brumadinho na última sexta-feira (25), fica difícil para muitos imaginar como é possível sobreviver estando lá, bem no local do incidente, vendo a força da avalanche de lama e destroços que varreu parte do município. Todavia, para pessoas como Rawgleison Batista Amaral há uma razão, e ela é devida a Deus.
Amaral estava trabalhando na instalação de um sistema de sinalização próximo ao local da tragédia. Ele contou em um vídeo o que viu no momento em que a barragem estourou e como conseguiu escapar da morte em questão de minutos.
"Mais essa, Deus me livrou da morte e foi muito bom para a minha vida", disse ele na gravação, lembrando que outros não tiveram o mesmo final feliz. "Foi por muito pouco. Muita gente que estava comigo morreu, não conseguiram fugir a tempo. Deus me abençoou".
O engenheiro foi salvo junto com outras pessoas, através da ação de alguém que ele chamou de "anjo". Por conta da velocidade de escoamento da lama, que era em média de 70 km/h, Amaral reconhece que não teria condições de escapar a tempo, mas algo aconteceu.
"Quando eu vi aquele monte de árvore, terra, caminhão, caminhonete sendo empurrada, a única coisa que você pensa é em correr", lembra o engenheiro.
"Eu não iria conseguir, a lama iria me pegar. Graças a Deus passou uma caminhonete do nosso lado, a gente gritou. O cara parou, foi um anjo que teve a paciência de parar, esperar, então eu pulei na caçamba da caminhonete e o cara arrancou", disse ele.
Assim como Amaral, outras pessoas também foram salvas por esse mesmo motorista, sendo ele instrumento de Deus naquele momento de desespero. "Mais uns 300 metros e ele parou de novo, várias pessoas subiram na caminhonete. Foram mais de 15 pessoas resgatadas. Então ele acelerou e foi para uma área mais alta", conta o engenheiro.
"Glória a Deus! Deus me abençoou demais", agradece Amaral, que saiu ileso da tragédia e posteriormente foi para um abrigo e recebeu apoio do Corpo de Bombeiros, junto com os demais sobreviventes.
"Tinha água e alimentação lá. Pegaram os nomes de todos e disponibilizaram um ônibus para ir embora, então graças a Deus conseguimos nos livrar", disse ele, segundo informações do portal G1.
Via Gospel+

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...