quarta-feira, 6 de maio de 2020

Idoso morre afogado após ser batizado em açude no agreste

Uma celebração de batismo nas águas no último domingo, 03 de maio, terminou de maneira trágica para um idoso de 86 anos que se afogou na cidade de Tacaimbó, região do agreste pernambucano.
As testemunhas do acidente relataram que o idoso foi submetido ao batismo nas águas no sítio Boa Vista, que fica na zona rural de Tacaimbó (PE), e se afogou. A Polícia Militar foi acionada e quando chegou ao local, o corpo já havia sido retirado da água pelas pessoas que acompanhavam a celebração.
Segundo informações do portal G1, a PM isolou a área e acionou a Polícia Civil para a realização de perícia. Os detalhes da investigação sobre o acidente não foram revelados até o fechamento desta matéria.
Esse tipo de acidente é recorrente em celebrações de batismo nas águas ao ar livre. Em 2014, um caso em Uganda virou notícia internacional por conta da morte do pastor e de uma fiel, que foi batizada em uma barragem.
Centenas de testemunhas viram o pastor e a fiel serem atingidos por um "enorme massa de água" e, apesar de seus esforços para saírem, acabaram se afogando.
O pastor Joseph Akwasibwe de Kampala, que também estava nas águas no momento do incidente mortal, afirma que mal conseguiu nadar para a margem em segurança.
Outro incidente similar foi registrado no mesmo ano, aqui no Brasil. Um pastor foi arrastado pela correnteza na manhã do dia 05 de abril, após entrar no rio para verificar se o trecho era seguro e adequado para a cerimônia.


Almir Marques de Carvalho, 52 anos, foi ao rio Descoberto, no Distrito Federal, com fiéis da Igreja Poço de Água Viva, de Ceilândia. Testemunhas disseram que um fiel tentou, sem sucesso, segurar o pastor quando ele afundou na água. O trecho do rio onde o pastor foi arrastado tem correnteza forte e distância de 30 metros entre uma margem e outra, além de pedras no leito.
Fonte: Gospel+

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...