sábado, 20 de novembro de 2021

Pr. OSCAR MOURA da AD no Espírito Santo foi promovido às mansões celestiais aos 90 anos - 19.11.2021



Nota de Falecimento - PASTOR OSCAR DOMINGOS DE MOURA - 19.11.2021


Com tristeza comunicamos que partiu para estar com o Senhor na noite desta sexta-feira,19 de novembro de 2021, o querido Pr. OSCAR DOMINGOS DE MOURA aos 90 anos.

Pastor Moura foi vice-presidente da CGADB; foi presidente da Convenção CADEESO, atualmente presidia a Assembleia de Deus • Ministério de Jardim Colorado no Espírito Santo e a Convenção Fraternal das Assembleias de Deus no Estado do Espírito Santo - CONFRADEESTO e fazia parte do Conselho Administrativo da CPAD como Conselheiro Vitalício. Deixa viúva a irmã Nilce de Moura com quem constituiu uma numerosa família.

O corpo do Patriarca está sendo velado no templo da Igreja Sede em Boa Vista, situado à Rua Getúlio Vargas número 5 Bairro Boa Vista Vila Velha ES, próximo a farmácia Cibien.

Em nome da AD Cubatão (SP) e da COMADESPE, registramos as condolências, e os votos de que o Espírito Santo console os familiares, amigos e Igreja.

"Preciosa é aos olhos do Senhor a morte dos seus santos"- Salmos 116:5

Pr. Carlos Roberto Silva
Pastor Presidente


BIOGRAFIA do Pastor OSCAR DOMINGOS DE MOURA - 1931-2021


Pastor, líder da Assembleia de Deus em Jardim Colorado – Vila Velha (ES), ex-presidente da CADEESO – Convenção das Assembleias de Deus no Estado do Espírito Santo e Outros. Fundador e presidente da CONFRADEESTO – Convenção Fraternal das Assembleias de Deus do Estado do Espírito Santo e Outros.

Nasceu no dia 22 de novembro de 1931, no município de Afonso Cláudio (ES), filho do casal Francisco Saraiva Moura e Maria de Paula Moura. Ainda na sua infância, no interior do Estado, começou a trabalhar com seu pai na construção civil, como de ajudante de pedreiro.

No ano de 1948, aos 17 anos mudou-se para Vitória, e três anos após (1951) entrou para o Exército Brasileiro, chegando a ser oficial do 38º Batalhão de Infantaria, permanecendo até o ano de 1953. Logo após a sua saída do exército, passou a atuar no futebol capixaba, como jogador profissional, e no ano seguinte, chegou a conquistar o título de campeão da primeira divisão do Vitória Futebol Clube. Como profissional, jogou futebol até o ano de 1960, onde teve que parar devido uma lesão sofrida que causou um desvio na coluna vertebral. Em 1955, ingressou na Vale (Companhia Vale do Rio Doce), onde trabalhou até a sua aposentadoria.

Em 1961, conheceu e casou-se com a jovem Nilce Gomes de Moura, com a qual teve os seguintes filhos: Ocarly (1962), Orion (1964), Oldair (1966), Odailse (1967), João Luiz (1969), Adriana (1971), Oséias (1973), também pastor. Já com sete filhos, o casal adotou mais duas filhas:  Ana Paula de Moura e Maria da Penha.
 
No ano de 1962, Oscar foi dono de um bar e restaurante, localizado na Avenida Capixaba, no centro de Vitória (ES). Além desse estabelecimento, foi proprietário de outros bares e boates até o ano de 1966. Um dos acontecimentos marcantes dessa época, ocorridas no seu bar, foi que um indivíduo tomando cervejas e não tendo o dinheiro para pagar, deixou empenhado como promessa de pagamento um exemplar do Novo Testamento. Naquele ano seu irmão Nilson teve hepatite e veio a falecer, deixando Oscar Moura muito deprimido. Buscando consolo e respostas para o sentido da vida, tomou aquele Novo Testamento e começou a ler nele, as promessas de vida, para todo aquele que crer. Foi convidado para ir a uma Igreja, e resolveu assistir a um culto na Assembleia de Deus do Bairro Vera Cruz, em Cariacica (ES). Ao ouvir um hino cantado pelo conjunto das irmãs do Círculo de Oração e a pregação do pastor José Alvarenga Sobrinho, ficou muito comovido e naquele dia seu coração não resistiu e o homem bravo e até mesmo temido pelos colegas de trabalho, foi quebrantado em meio ao fogo pentecostal, aceitou ao Senhor Jesus como Salvador. Era o ano de 1967 e Deus iniciava uma grande obra na vida daquele homem de 36 anos de idade. Naquele mesmo ano, Moura e sua esposa Nilce, foram batizados nas águas em Cariacica, pelo pastor Waldomiro Martins Ferreira, na época o presidente das Assembleias de Deus em todo o Estado capixaba.
  
Em 1968, foi o início de sua carreira ministerial, cooperando na igreja como porteiro. E no ano seguinte, foi indicado para ser professor da escola dominical. Em 1970 foi separado para servir como diácono da igreja. 

No ano de 1973, ainda na condição de diácono, foi convidado pelo Pastor Edmundo Alves de Oliveira para ser dirigente de uma congregação, localizada no bairro Santa Inês, em Vila Velha, ali permanecendo até o ano de 1975. Nesse ano, foi transferido para a congregação do bairro Jardim Colorado, cujo templo foi inaugurado em 1976.
 
Em 1977, Oscar foi ordenado ao ministério de pastor, em cerimônia oficiada pelo saudoso Pastor Cícero Canuto de Lima (in memoriam), na época presidente do Ministério do Belém (SP). 

Na direção da AD em Jardim Colorado, Pr. Oscar Moura permaneceu, sendo esta igreja uma das congregações do Ministério do Aribiri. Em 1980, o pastor Edmundo Alves de Oliveira, concedeu a emancipação da Assembléia de Deus de Jardim Colorado, e, Moura que era o seu vice-presidente, permanece até o momento como líder daquela igreja.
  
No ano de 1983, Oscar se aposenta da Vale do Rio Doce (CVRD), e agora com tempo mais livre para administrar a igreja sob sua presidência.
 
Sua trajetória na CADEESO (convenção pioneira das Assembleias de Deus no Estado do Espírito Santo) teve início a partir do ano de 1985, onde atuou na Junta Conciliadora e na SECAN. Em 1986 foi enviado pela Junta Conciliadora da CADEESO como interventor na Assembléia de Deus em Linhares (ES). Em seguida, concorreu numa eleição para a presidência daquela igreja, onde permaneceu por apenas oito meses, deixando construídos uma casa pastoral, dormitórios e refeitórios. Depois disso, por determinação do então presidente da CADEESO, pastor Roque Ferreira Filho, pastor Moura retornou para sua igreja de origem, a AD de Jardim Colorado. De 1987 a 1998 dedicou sua administração na construção de congregações.

Em 1998, concorreu para o cargo de 3º vice-presidente da CADEESO, sendo eleito com a expressiva votação. No ano de 2000, foi eleito como 1º vice-presidente. Em 2003,  assumiu a presidência por força do Estatuto da convenção estadual e em 2004, foi eleito por aclamação, presidente da CADEESO. Neste mesmo ano, deu início a construção do prédio da Sede administrativa da CADEESO, localizado na parte de trás do templo-sede da AD no Aribiri. Em 2006 foi reeleito por aclamação, e na ocasião já se encontrava pronta a primeira parte do prédio administrativa e o refeitório da CADEESO. Como Presidente da CADEESO, Oscar Moura serviu por 14 anos, reunindo Ministros, dando Instruções e seminários de Obreiros, construiu o Prédio da Instituição, e administrou a mesma até no ano de 2018. Nesse período, pastor Moura, também atuou na CGADB, como um dos vice-presidentes da Mesa Diretora, a partir do ano de 2009.

O Pastor Oscar Domingos de Moura após eleição da nova Mesa Diretora da CADEESO no ano de 2018, decidiu desfiliar-se da instituição e fundar a sua própria convenção chamada CONFRADEESTO – Convenção Fraternal das Assembleias de Deus do Estado do Espirito Santo e Outros, a qual foi fundada em Fevereiro de 2018.
 
A CONFRADEESTO recebeu o voto de aprovação da CGADB sob o nº 72 no mês de abril de 2019, durante a convenção geral realizada em Belém do Pará, onde foi homologada e hoje comporta em tão pouco tempo um número de quase mil ministros filiados. 

Atualmente, próximo de completar seus 90 anos de idade, pastor Oscar Moura, prosseguiu sua carreira ministerial como um dos conselheiros vitalícios da nossa CPAD – Casa Publicadora das Assembleias de Deus no Brasil e segue incansavelmente desenvolvendo um exímio trabalho na obra do Senhor carregando em seus ombros os 45 anos de Ministério e de uma vida ilibada diante de Deus e dos homens. O Ministério da Assembleia de Deus de Jardim Colorado, liderado por ele, continua seu desenvolvimento, hoje possuindo cerca de 54 Congregações.

Pr. Oscar Domingos de Moura, foi promovido às mansões celestiais na data de 19.11.2021 (sexta-feira), aos 90 anos de idade.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...