quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Assembleia de Deus - Devemos eliminar os hinos da harpa cristã?



Lí o texto abaixo, no perfil do irmão LEONARDO CORASSARI no Facebook por indicação de Rubens Mattos, maestro da OSADEC - Orquestra da AD Cubatão e, posto aqui por concordar plenamente com a lavra.

"Queridos irmãos e amigos,
          Estamos no fim.
Infelizmente pessoas estão acabando com a história musical das igrejas, buscando de "fora" coisas que não pertencem à liturgia.
 
Há uma nova bandeira contra o hinário da Assembleia de Deus (Harpa Cristã), tachando-a de ser antiga e que não tem serventia aos cultos "modernos".
 
Imaginem só, se acontecesse na Igreja Luterana, onde alguns hinos têm mais de 500 anos e são entoados até hoje. Tive o privilégio de participar de alguns cultos e a tradição sempre foi respeitada, o que não acontece conosco.
 
Onde se viu, descartar a Harpa Cristã em troca dessas "músicas" de baixos padrão e qualidade?
 
Não se compara um hino da harpa que tem sua estrutura perfeita, está correta biblicamente, enquanto muitas dessas músicas estão em conflito direto com a Bíblia.
 
Os líderes de igreja devem conhecer um pouco de arte sacra e pesquisar sobre teologia da cultura, para que não tomem decisões absurdas de reunirem líderes musicais para atacar o nosso hinário, dizendo para deixar de usá-lo ou criar absurdas contextualizações, onde o mal gosto sempre imperaria.
 
Não sei se algum pastor lerá este texto, mas vai a pergunta: Será que a Igreja católica se livraria de toda a arte de séculos atrás só porque é antiga?
 
Se fosse em nossas igrejas, o teto da Capela Sistina seria pintado de branco, com gesso e lâmpadas embutidas, porque tudo que é antigo e tem alguma tradição é jogado no lixo por líderes sem cultura e megalomaníacos.
 
Queridos, vamos deixar que acabem com nosso hinário, ou vamos lutar para que tudo o que é genuíno se faça prevalecer contra as arbitrariedades de pessoas sem conteúdo.
 
Vamos vigiar e orar para que Deus nos livre dos tais"


Leonardo Corassari - Membro da Assembleia de Deus, músico violinista.

4 comentários:

Presbítero Maurício disse...

Caríssimos, certamente que não! Esses hinos fazem parte de nossa cultura cristã - protestante - que, aliás, está muito omissa nos currículos disciplinares de nossas universidades. Certa feita, o Ministro da Cultura do Brasil, havia dito que "Nosso país não tem cultura, história cristã protestante, porque seus adeptos não se interessam por isso..." Lamentável! Vamos preservar o que é nosso, de nossa fé, de nossas igrejas, de nosso povo, de nosso país.

Carlos Roberto Silva, Pr. disse...

Caro Presbítero Maurício,

A Paz do Senhor.

Grato pela honrosa visita neste singelo blog.

Concordo plenamente com o seu pensamento. A maioria dos hinos da Harpa Cristã são de letra indiscutível do ponto de vista bíblico. Suas poesia ;e bela e sua melodia irretocável.

O problema que nem sempre são bem cantados e executado pelo instrumental. Nossa geração investe mais tempo ensaiando o que está fazendo sucesso nas rádios, deixando de lado nossa tradição musical.

Um grande abraço,

Seu conservo,

Pr. Carlos Roberto

Pastor Edinaldo Domingos disse...

Amado Pr. Carlos Roberto, a Paz do Senhor.

Já que querem eliminar os hinos da Harpa Cristã, sugiro que eliminem também a saudação com " A Paz do Senhor", o "Culto de Doutrina", o "Culto de Oração" e a "Escola Dominical", pois os que querem eliminar os maravilhosos hinos sacros da Harpa cristã, são os
mesmos que não gostam dos trabalhos acima citados.

Só deixo a Harpa Cristã, no último pau de arara, rsrrs.

Um forte abraço

Pastor Edinaldo Domingos
AD em Coronel João Pessoa - RN.

Carlos Roberto Silva, Pr. disse...

Caro amigo e pastor Edinaldo Domingos,

A Paz do Senhor.
"Só deixo a Harpa Cristã, no último pau de arara", bem que poderia ser uma espécie de último hino da Harp Cristã - Vou sugerir à CPAD rsrsrs
Estamos juntos!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...