sábado, 8 de junho de 2013

BRASIL - Liberalismo desce a ladeira na banguela e sem freio

Eu sou feliz sendo prostituta

SEM VERGONHA GAROTA, VOCE TEM PROFISSÃO


É o fim dos tempos!

O que era praticado às escondidas, ou pele menos de forma velada, justamente por ser contra a moral, a ética,  os bons costumes e a preservação da família, hoje é praticado de forma declarada, explícita e com o incentivo do governo brasileiro.

Veja a notícia abaixo:

"A Coordenação Nacional de DST e Aids, do Ministério da Saúde, lançou, durante o Seminário Aids e Prostituição, no dia 6 de março, em Brasília, uma campanha nacional de prevenção direcionada às profissionais do sexo feminino, com ênfase no desenvolvimento da auto-estima e da cidadania, como forma de mobilizar as profissionais para a promoção à saúde. 
A consciência de seus direitos, como a negociação com clientes pelo uso da camisinha, o esclarecimento do uso correto do preservativo e a promoção do preservativo feminino também é foco da campanha. 
A campanha, que tem como título "Sem vergonha, garota. Você tem profissão", veiculada no rádio e nos locais de prática do sexo pago. Além do spot para rádio, contém material impresso (folder, cartilha) com informações sobre práticas seguras de sexo; principais doenças que podem ser transmitidas nas relações sem o uso do preservativo; direitos humanos; dependência química e redução de danos entre usuários de drogas injetáveis, e também tem adesivos para banheiros; manual do multiplicador (profissionais do sexo que ensinam os companheiros a se prevenir das doenças) e bottons."
- Veja a campanha completa aqui.
Não quero aqui criticar a preocupação do governo com a questão da saúde publica e em especial com a das "profissionais do sexo", mas sim, chamar a atenção de todos, para o incentivo implícito e porque não dizer até mesmo explícito, para tal atividade.

Vejamos que as peças publicitárias da campanha de prevenção, não se limitam às orientações de preservação, mas vão muito alem disso, tornam natural e aceito aquilo que é condenado por Deus através dos seus princípios e da propria tradição da sociedade.

E que pese ser a prostituição uma prática antiga registrada pela história, sempre foi condenada pela moral e pelos bons costumes. A apologia à atividade é tão grande que em uma das peças da campanha, em especial a que ilustra este post, aparece uma mulher dizendo: "Eu sou feliz por ser prostituta".

É vergonhoso o viés liberalista implantado pelos atuais ocupantes do governo brasileiro, e o pior, transferem a responsabilidade de maneira camuflada, para os técnicos das respectivas áreas e para a própria Justiça, numa demonstração clara da famoso "lavo as minhas mãos".

Ora, os técnicos e seus respectivos chefes são cargos de confiança do governo, e a elite da corte maior da Justiça do país, o STF, também é de indicação do mesmo governo. O que aqui registro não é política , afinal nem estamos em tempo de campanhas eleitoral, mas constatação daquilo que em campanhas eleitorais no passado, já se previa, inclusive com a negativa de muitos evangélicos, os quais na prática defendiam seus próprios interesses. Agora se calam, mas não se enganem, diante de Deus são cúmplices e co-responsáveis pelas desvios de conduta introduzidos na nação.

Vejam só: Incentivo à prática homossexual, união homoafetiva, aborto, flexibilização para a averbação do divórcio, apoio a profissionalização da prostituição, etc... e, qualquer um que se manifeste contra tais situações, logo será taxado como homofóbico, enfim, a carroça do liberalismo está descendo a ladeira na banguela e sem freio.

Misericórdia!

Oremos pelo Brasil e façamos a nossa parte enquanto é tempo.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...