terça-feira, 1 de julho de 2014

Pr. MARINÉZIO SOARES DA SILVA - NOTA DE FALECIMENTO - 01.07.2014

Marinézio Soares da Silva (84)
Faleceu hoje, às 5 da manhã, o pastor Marinézio Soares da Silva (84), que durante muitos anos batalhou no evangelho de Cristo, em São Paulo, nas cidades de Cruzeiro, Campinas e em muitos outros estados.

Seu corpo será velado das 16 as 22 hs de hoje (01) no CENTRO DE VELÓRIO, a duas quadras da Assembleia de Deus em Natal, no Rio Grande do Norte de onde sairá para ser velado na Assembleia de Deus em Arez, na Rua: João Hélio, 435, Centro- Arez – RN e o enterro acontecerá nesta quarta, dia 2 , ás 10 hs da manhã.
Pastor Marinézio deixa viúva a a irmã Marina Soares, filhos e netos. Pr. Marinézio sempre foi considerado um homem de Deus, que pastoreou muitas igrejas durante sua vida, e que construiu muitos templos da AD pelo Brasil. Sempre foi conhecido pelo grande trabalho que desenvolveu em prol da obra do Senhor aqui na terra. Em março de 1995, jubilou resolveu vir morar em Arez, para descansar criando laços fraternos com os irmãos.
Deixou sua marca em Campinas
Em 16 de Janeiro de 1972 assumiu o trabalho em Campinas o Pr. Marinézio Soares da Silva, vindo da Lapa (SP). Naquela época a igreja contava com 600 membros aproximadamente que congregavam no templo Sede e nas congregações de Campos Elíseos, Nova Europa, Boa Esperança, Socorro e em um pequeno salão alugado em Souzas.
Dois meses depois de sua chegada, iniciou-se uma fase de crescimento e construções de novos templos, iniciando-se pela igreja no bairro de Castelo (na cidade de Amparo).
Em 12 de maio de 1973 iniciou-se a construção do templo sede, com uma equipe voluntária de obreiros, destacando-se entre eles, o irmão João Aprígio de Souza.
O ano de 1973 também ficou marcado na história da Assembléia de Deus em Campinas, pois em 16 de outubro, a igreja iniciava o movimento que foi chamado de “chave do crescimento da Igreja em Campinas”.
O ano de 1974 foi muito promissor para a AD Campinas, uma vez que no dia 09 de abril, a igreja recebeu sua autonomia administrativa, por parte da Igreja-Sede do Belenzinho – SP.
O tempo passou e, em 23 de Setembro de 1978 deu-se a inauguração do templo Sede, na Rua Pr. Cícero Canuto de Lima, 160 – Parque Itália.
Em 1983 foi criada a Associação Beneficente Daniel Berg (entidade filantrópica e sem fins lucrativos) proporcionando a assistência social para muitas crianças dos bairros mais carentes da cidade. Também se iniciou o programa “Voz das Assembléias de Deus” na Radio Brasil.

No ano de 1988 a Assembléia de Deus em Campinas criou a ESTEADEC – Escola Teológica oferecendo os cursos básico e médio em teologia.
Os anos seguintes foram de grande trabalho, mas também de crescimento contínuo. No ano de 1989, o campo de trabalho estava estruturado com 13 setores, mais as congregações ligadas ao templo sede, formando um número de 70 congregações em Campinas, mais as congregações nas cidades de Paulínia, Jaguariúna, Socorro, Amparo, Monte Alegre do Sul, Pinhalzinho, Tuiutí, Pedra Bela, Serra Negra, três Pontes, Pedreira, Bueno Brandão, Munhoz, Mostarda, Toledo, Senador Amaral, Monte Verde e Bom Repouso.

Um comentário:

Pastor Edinaldo Domingos disse...

Amado Pr. Carlos Roberto,
a Paz do Senhor.

Pr. Marinézio, deixa um grande legado para o nosso Rio Grande do Norte.

Expresso neste comentário os mais sinceros votos de consolações para a família e amigos do Pr. Marinézio.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...