sábado, 27 de agosto de 2016

Pr. Samuel Câmara registra nova candidatura à presidência da CGADB; Pr. José Wellington não concorrerá



O pastor Samuel Câmara decidiu concorrer novamente à presidência da Convenção Geral das Assembleias de Deus (CGADB) após selar um acordo de paz com o atual presidente, Pr. José Wellington Bezerra da Costa, e ser reintegrado ao quadro de membros da entidade.
Câmara concorrerá, desta vez, contra o filho do atual presidente, que está à frente da CGADB há 26 anos. Agora, José Wellington Júnior concorrerá para suceder o pai, segundo informações do JM Notícias.
Na última eleição, em abril de 2013, José Wellington venceu Samuel Câmara por um placar apertado. Dentre os 16.410 votos válidos, José Wellington obteve 9.003 votos (54%) e contra 7.407 (46%) de Câmara. Ainda houveram 162 votos brancos e 175 nulos.
Essa eleição foi seguida de inúmeras trocas de acusações públicas, brigas judiciais, banimento de Câmara pela CGADB e, finalmente, um acordo para que as ações na Justiça fossem encerradas e a entidade livrada da multa milionária que vinha sendo submetida. De quebra, o pastor da “igreja-mãe”, em Belém do Pará, foi reintegrado.
A expectativa é que o próximo pleito, que está agendado para abril de 2017, seja um dos mais acirrados e atraia um número histórico de pastores filiados. Como a votação acontecerá online, com uma empresa auditando os votos, ministros de todos os lugares do Brasil e até no exterior – no caso dos missionários – poderão votar.
Câmara tentou formar uma chapa única com o pastor José Wellington Júnior, mas não obteve resultado positivo, e assim, registrou sua candidatura na última terça-feira, 23 de agosto. Nos bastidores, há a expectativa de que o líder paraense venha ainda mais forte do que na última eleição, pois sua mudança de postura em relação à entidade, com propostas de diálogo, estariam atraindo os favoráveis à mudança de mãos que regem a Convenção.
Também na última terça deram entrada em seus pedidos de candidaturas os pastores Sebastião Rodrigues de Souza (1º vice-presidente), pastor Juvanir de Oliveira (Conselho Fiscal-Região Centro-Oeste) e pastor Álvaro Alen Sanches (1º tesoureiro – Região Sudeste).
Fonte: Gospel+

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...