domingo, 27 de setembro de 2020

Pastor é preso após quatro acusações de abuso sexual contra jovens de igreja no litoral de SP

Inquérito policial concluiu por estupro de vulnerável e crime de violação sexual mediante fraude, segundo o delegado que conduz o caso em Peruíbe, no litoral paulista.



Fonte: G1

Meu Comentário:

Uma péssima notícia para o evangelho, afinal de contas mais um escândalo envolvendo a figura de alguém que se diz "pastor". Isso não pode nos abalar, pois já está previsto nas Escrituras Sagradas.

Jesus disse:
"Ai do mundo, por causa dos escândalos; porque é mister que venham escândalos, mas ai daquele homem por quem o escândalo vem!" - Mateus 18:7

A reflexão que cada um deve fazer é a seguinte: quem está sendo ordenado a pastor e por quem?

Não sei a qual Igreja pertence essa pessoa, mas pela notícia, ele é o próprio fundador, portanto quem foi o seu líder, seu mentor espiritual, quem o discipulou?

Quando questionamos essas coisas em nosso "intramuros", sempre tem alguém que se ofende, por entender que uma vez consagrado, não importa quem o consagrou ou quem quer que seja.

A Bíblia diz:

"Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar; Não dado ao vinho, não espancador, não cobiçoso de torpe ganância, mas moderado, não contencioso, não avarento; Que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia (Porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus? ). Não neófito, para que, ensoberbecendo-se, não caia na condenação do diabo. Convém também que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em afronta, e no laço do diabo. Da mesma sorte os diáconos sejam honestos, não de língua dobre, não dados a muito vinho, não cobiçosos de torpe ganância. Guardando o mistério da fé numa consciência pura. E também estes sejam primeiro provados, depois sirvam, se forem irrepreensíveis". - 1 Timóteo 3:1-10

Quando essas regras tão básicas não são observadas, via de regra não dá certo e, se o próprio se fez pastor a si mesmo, a catástrofe ministerial é certeira.

Oremos para que ele se arrependa, bem como pelo rebanho que nessas situações, normalmente se dispersa e alguns ate escandalizados se desviam no Caminho do Senhor!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...