domingo, 10 de outubro de 2021

‘Se adequar ao politicamente correto é escarnecer do sacrifício de Jesus’, exorta pastor

A rejeição a gestos de aproximação com segmentos da sociedade ou religiões guiados pelo politicamente correto, que não comungam dos valores cristãos, foi exposta pelo pastor Roberto José dos Santos, da Assembleia de Deus em Abreu e Lima (PE).

O meio assembleiano tem tido dias agitados desde que o bispo Abner Ferreira compareceu a um evento ecumênico no Vaticano, onde interagiu com o papa Francisco e líderes de diversas religiões, com objetivo de celebrar um pacto de preservação do meio ambiente.

Na última segunda-feira, 04 de outubro, o pastor Altair Germano foi contundente em sua crítica, afirmando que “depois do ecumenismo e do sincretismo religioso, a próxima militância de alguns pentecostais brasileiros (acadêmicos, líderes, políticos etc.) poderá ser pela ordenação de homossexuais ao ministério”.

Já o pastor Roberto José optou por expressar sua reprovação às influências externas de maneira mais contida, porém ainda assim, firme: “Pessoas que negociam valores doutrinários bíblicos e se adequam ao ‘politicamente correto’ no presente século, escarnecem do sacrifício de Jesus, zombam dos heróis da fé (Hebreus 11) e cospem na história de homens como William Tyndale”, escreveu, referindo ao tradutor da Bíblia para o inglês, que pagou com a vida pela iniciativa.

“Estamos vivendo uma geração de ‘pessoas’ doentes, apóstatas e vazias de Deus”, lamentou Roberto José, acrescentando ao final de sua publicação um resumo da história de William Tyndale.


Fonte: Gospel


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...