sábado, 23 de dezembro de 2017

Cartilha Hirota e o atentado contra a Liberdade Religiosa pelo Ministério Público



O Ministério Público do Trabalho e a Defensoria Pública do Estado de São Paulo emitiram no dia 22/12/17 notificação recomendatória à Rede de Supermercados Hirota exigindo a suspensão imediata da distribuição da cartilha "Cada Dia Especial Família de 2017", considerada de conteúdo discriminatório por estas instâncias de poder. (VEJA AQUI)


ASSISTA AQUI:

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...