sábado, 18 de agosto de 2018

Líder eclesiástico fala sobre escândalos de pastores e salvaguardas que mantém como presidente de uma Mega Igreja

Greg Laurie fala sobre escândalos praticados por pastores e salvaguardas que mantém como pastor de uma Mega Igreja

O pastor evangelista de uma mega-igreja, o popular Greg Laurie, compartilhou o que pensa sobre as circunstâncias que envolvem líderes cristãos expostos por comportamentos pecaminosos, e falou sobre as salvaguardas que ele tem colocado em prática para a sua própria vida.
Laurie, pastor sênior da Harvest Christian Fellowship em Riverside, Califórnia, que prega para dezenas de milhares de pessoas todos os anos nos eventos Harvest Crusade, conversou com o The Christian Post, para falar sobre a 29ª cruzada anual do Southern California Harvest neste fim de semana em Anaheim, e uma série de outros eventos que estão nos noticiários.
Durante a entrevista, Laurie foi indagado sobre a seqüência de líderes evangélicos que experimentaram queda após terem sido expostos ou acusados ​​por conduta pecaminosa (muitas vezes de natureza sexual) de alguma forma ou de outra.
De acordo com a matéria, a mídia tem dado muita atenção às denúncias de abuso sexual contra líderes cristãos nos últimos meses.
"É uma grande decepção para mim quando um pastor cai", disse Laurie. "Um pastor precisa ser um bom exemplo. Ele é um líder espiritual. As pessoas esperam que os pastores vivam moralmente e sejam honestos. Essa é uma expectativa realista. Eles esperam isso dos cristãos, certamente eles nutrem essa expectativa num líder cristão".
Em julho, o pastor da mega igreja da Assembléias de Deus, Dean Curry, foi demitido depois de ter sido acusado de se envolver em má conduta sexual com membros da igreja.
Em abril, o pastor da mega-igreja do Arizona, Les Hughey, renunciou após várias mulheres terem se apresentado para acusá-lo de se envolver em má conduta sexual décadas atrás.
Dominando as manchetes mais recentes desta semana, está o relatório do grande júri sobre o abuso sistêmico em curso na Igreja Católica na Pensilvânia e também as tratativas em curso das alegações de abuso sexual contra o ex-pastor Bill Hybels que abalou sua megaigreja em Chicago.

Em janeiro, na igreja Highpoint em Memphis, o pastor Andy Savage foi acusado de agredir sexualmente um jovem hà 17 anos atrás, quando ele era seu pastor de jovens, o que levou à sua renúncia e renúncia do pastor da megaigreja Chris Conlee.


"É claro que está na imprensa porque viraliza", disse Laurie sobre a atenção da mídia.

"Você nunca ouviu a história daquele fiel pastor que serviu a sua congregação por 45, 50 anos e foi para a glória. Ou você não ouviu falar sobre o casal missionário fiel que fez sacrifícios em sua vida para servir ao Senhor porque eles não são histórias interessam à imprensa".

"Eu não estou desculpando ninguém de suas ações", continuou o líder de 65 anos. "Estou simplesmente dizendo que gostaria de poder ouvir as outras histórias, porque às vezes parece que só há todos esses escândalos, mas eles não estão levando em conta os milhares e milhares e milhares de pastores fiéis e líderes fiéis que nunca tiveram sequer um indício de escândalo em sua vida de ministério ".

Perguntaram a Laurie se ele acha que os escândalos de má conduta estão prejudicando a autoridade moral da Igreja evangélica.

"Bem, eles certamente não ajudam. Acho que temos que chegar à conclusão de que todos são pecadores e todos fracassam", ele respondeu.

"É muito correto esperar que nossos líderes, especialmente os líderes cristãos, pratiquem o que pregam, como eles dizem. Mas, por outro lado, quando um líder cai, nunca deve fazê-lo duvidar de sua fé, porque nossa fé nunca deve estar em um líder".

Laurie afirmou que a fé de um crente deve estar em Cristo somente porque Ele não é "hipócrita" e nem "vive segundo um padrão duplo".

Laurie foi perguntado sobre as salvaguardas que coloca em prática em sua vida para se certificar de que algo que "poderia acontecer a qualquer um" não acontecesse com ele. Entre outras coisas, uma das salvaguardas mais importantes que Laurie tem é transparência total com sua esposa, Cathe.

"Embora fiquemos tristes quando os líderes caem, a Bíblia diz: 'Quando um irmão ou uma irmã são surpreendidos por uma queda, nós, que somos espirituais, devemos procurar restaurá-los ...' o que vale dizer, 'para que você também não seja tentado", explicou Laurie.

"Então, a realidade é que todos nós temos as mesmas fraquezas e vulnerabilidades. Portanto, não seja arrogante para dizer, 'isso nunca poderia acontecer comigo'. Porque, isso poderia acontecer com qualquer pessoa".

Laurie também explicou que procura se cercar de "homens piedosos aos quais eu os encorajo a falarem comigo com sinceridade sobre a minha vida".

"Quanto ao meu telefone, outros equipamentos e redes sociais, minha esposa sabe todas as minhas senhas", disse ele. "Às vezes, quando a vejo lendo meus e-mails e textos e pergunto: 'Por que você lê tudo isso?' Ela me responde: "Essa é a única maneira de descobrir todas as coisas que você está fazendo agora".

"É importante ter salvaguardas e é importante ter freios e contrapesos e eu tenho muitos", disse ele.

"Dito isto, se uma pessoa está determinada a trapacear da maneira que quiser, ela fará isso. As salvaguardas não a impedirão. Mas elas podem ajudar como muros de proteção. Acho que há um lugar para essas coisas, e é por isso que eu as coloco no seu devido lugar. Mas se uma pessoa está predisposta a fazer algo pecaminoso, ela provavelmente encontrará uma maneira de fazer isso, infelizmente".


Laurie alertou que os cristãos precisam gastar menos energia criticando uns aos outros publicamente e empreender mais energia apoiando uns aos outros.
"Acho que precisamos pensar em maneiras de nos relacionarmos uns com os outros, especialmente nas mídias sociais e de outras formas, em vez de ficarmos atirando uns com os outros", disse ele.

"Se um líder peca e cai, bem, isso acontece, e eu sinto muito por isso estar acontecendo. Às vezes eu vejo pessoas boas e piedosas criticando outras pessoas tão boas e piedosas quanto elas, o que eu acho ser um caminho desnecessário. Eu gostaria de ver a mesma paixão 'em pregar o Evangelho e alcançar o mundo todo".

Com informações: The Christian Post



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...